Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Põe na agenda!

Em show para mulheres, Hique Gomez apresenta Tãn Tango em Taquara

Ex-integrante do Tangos e Tragédias toca no próximo dia 9 de março, com ingressos gratuitos

Unimed Encosta da Serra/Divulgação
Só pra mulheres: Hique fará show no Clube Comercial
Um grande espetáculo em homenagem ao Dia da Mulher ocorrerá no próximo dia 9 de março: é o show Tãn Tango, com Hique Gomez, um dos criadores do clássico Tangos e Tragédias. Será às 20 horas, no Clube Comercial, em Taquara, em uma iniciativa exclusiva da Unimed Encosta da Serra para presentear as mulheres pelo seu dia. Ingressos gratuitos e limitados à capacidade do local estão disponíveis desde ontem para retirada (no máximo dois por pessoa) nas unidades próprias da Unimed Encosta da Serra. A classificação do evento é de 12 anos e a atividade é só para mulheres.

No espetáculo Tãn Tango, Hique interpreta ao violino clássicos deste estilo – como Por Uma Cabeza, de Carlos Gardel – e também releituras em tango de músicas dos Beatles e da MPB, tendo no palco o talento da pianista clássica Dunia Elias (teclado e voz).

Carisma

Cada canção é precedida no show por histórias contadas ao vivo por Hique, que envolve a plateia nos arranjos e exibe o carisma que o tornou conhecido em Tangos e Tragédias, criado por Hique com seu parceiro Nico Nicolaiewsky, e reconhecido como um marco na cultura cênico-musical do Rio Grande do Sul. O espetáculo foi interpretado de 1984 até 2014, ano da morte de Nico.

Clima de cumplicidade

Hique afirma que sempre é agradável encontrar plateias femininas. “Existe um clima de cumplicidade e a exclusividade de gênero da ocasião torna tudo mais especial. O ambiente só de mulheres dá a dimensão da força que elas vêm estabelecendo na nova sociedade. Tanto em termos de excelência na qualidade dos seus trabalhos quanto na própria filosofia da equanimidade de gênero. Acompanho isso bem de pertinho, pois minha filha, Clara Averbuck, é uma das vozes ativas brasileiras do novo movimento feminista”, revela o artista.

Na apresentação de Taquara, Hique afirma que o público poderá esperar a sua entrega de sempre. “Adoramos fazer o que fazemos. Estarei com Dunia Elias, uma das maiores pianistas do Estado e certamente a maior tangueira do Brasil. Temos feito este espetáculo em duo desde o ano passado e temos descoberto muitas coisas novas. Tenho certeza de que vão adorar”, avisa o ex-integrante do Tangos e Tragédias.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS