Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Novo Hamburgo

Motorista embriagado provoca acidente e vigilante morre na colisão

Caso aconteceu no acesso ao Paradão, na esquina das Ruas Primeiro de Março e Marcílio Dias

Marcos J. Diefenbach/Especial
Acidente aconteceu no início da madrugada desta segunda-feira no início do Paradão
Um acidente entre dois veículos deixou uma pessoa morta no início da madrugada desta segunda-feira (20) no Centro de Novo Hamburgo. A forte colisão aconteceu por volta da 1h40 no acesso ao Paradão, na esquina das Ruas Primeiro de Março e Marcílio Dias. O motorista que provocou o acidente estava embriagado e há suspeita que tenha passado o sinal vermelho. Cleisson Bassetto Pinheiro, de 22 anos, foi preso em flagrante por homicídio culposo, quando não há intenção de matar, e a fiança foi estipulada em 20 mil reais. 

Fabrício Kurtz Pedroso, de 37 anos, era vigia e trabalhava no momento do acidente. Ele teve o Fiat Mobi, da empresa Ronda, atingido na lateral pelo Volkswagen Gol prata e morreu no local. Com a força do impacto, uma sinaleira foi arrancada, um poste e o relógio ficaram danificados. A câmera de monitoramento do local também foi atingida e não gravou o acidente.

O corpo do vigia só foi retirado da pista às 6h40 desta segunda-feira quando a perícia chegou no local. Os dois veículos também serão retirados após o trabalho dos peritos.

JP Gusmão /Rádio ABC 900
Veículos ainda estavam no local do acidente no início da manhã desta segunda-feira

Lei Seca

Conforme informações da Guarda Municipal, o primeiro teste feito pelo motorista apontou 0,63 miligramas de álcool por litro de sangue (mg/l), o limite permitido pela Lei Seca é de 0,3 mg/l. Na contraprova, o valor atingiu 0,58 mg/l. A Polícia Civil investigará o caso e decidirá qual será o indiciamento do condutor. O registro da ocorrência, no entanto, foi feito como homicídio culposo, quando não há intenção de matar.

Com a nova Lei 13.281, que alterou o Código Brasileiro de Trânsito (CTB), a multa por dirigir embriagado passou de 1.915,00 para 2.934,70, além de o condutor perder sete pontos na carteira. O motorista do veículo também tem a CNH suspensa por um ano. A pena de detenção pode variar de seis meses a três anos. Se o motorista tiver cometido a mesma infração nos 12 meses anteriores, o valor da multa é dobrado.

 

CORREÇÃO: Entre as 6h46 e as 10h50, este site informou equivocadamente que o veículo da vítima era um Volkswagen Up. A informação, fornecida pela Guarda Municipal, já foi corrigida.

 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS