Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Brasileirão

Colorado goleia e mostra ao que veio na Série B

Inter fez 3 a 0 no Londrina fora de casa na estreia da competição nacional

Ricardo Duarte/Internacional
Com dois gols de Nico e um de D'Ale, Inter goleia o Londrina na estreia na Série B
A epopeia colorada na Série B começou bem. Jogando em Londrina, o Inter goleou os donos da casa por 3 a 0. Gols de D´Alessandro e Nico López, duas vezes. Com isso, lidera a tabela da competição e manda um recado claro aos adversários: vem para vencer e voltar ao seu lugar, que é a elite do futebol brasileiro. Se não teve brilhantismo, o triunfo, porém, serviu para ver um time concentrado no jogo e tendo mais facilidades do que talvez esperasse. Nos 45min iniciais, o gol que marcou o início da trajetória rubra na Série B veio por D´Alessandro, aos 18min. Após chute de Marcelo Cirino, França bloqueou a trajetória da bola com as mãos e o juíz deu pênalti. Com categoria e de pé esquerdo o capitão abriu o marcador, anotando seu gol de número 79 em 360 partidas pelo clube.

Mesmo sem ter maior posse de bola, com D´Ale tomando amarelo após falta no ex-hamburguense Jardel, o Inter seguia superior na partida, dada a fragilidade e lentidão do time paranaense. Imposição que se materializou de vez aos 38min. Nico López pegou a bola pela direita do ataque, abriu espaço entre os zagueiros e de canhota bateu com violência, sem chances para Zé Carlos.

O 2 a 0 fez a equipe de Antônio Carlos ganhar confiança e voltar para o segundo tempo com maior volume de jogo e uma clara melhora técnica. Superioridade que aumentou as 3min, quando Nico López, após grande lançamento do estreante Felipe Gutiérrez e furada do zagueiro Silvio, bateu novamente de esquerda, estufando as redes e correndo pro abraço. Com Marcelo Cirino inspirado e também fazendo ótima estreia, o Colorado poderia ter ampliado ainda com D´Ale e Uendel, em duas assistências de Cirino.

VERDÃO

Ao final da partida coube ao argentino dimensionar a estreia. “Iniciar assim nos deixa feliz porque é uma sequência do trabalho. Futebol é resultado, mas a gente vê outras coisas. Esse trabalho é uma sequência do trabalho que estamos fazendo”, avaliou. O Inter se reapresenta já neste domingo no CT do Parque Gigante. O foco passa a ser agora a partida de quarta-feira, quando vai a São Paulo encarar o Palmeiras, no jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil e no qual ainda não terá o atacante William Pottker. O melhor jogador do recente Paulistão deve fazer a sua estreia na B no próximo sábado, quando o Colorado recebe às 19 horas, no Beira-Rio, o potiguar ABC, de Natal.

FICHA TÉCNICA

LONDRINA

Zé Carlos, Lucas Ramon, Sílvio, Matheus, Ayrton; França (Robinho), Jardel, Celsinho (Rômulo) e Fabinho; Artur e Jonatas Belusso. Técnico: Cláudio Tencati

INTER

Daniel, William, Leo Ortiz, Victor Cuesta, Uendel (Iago); Rodrigo Dourado, Fabinho, Felipe Gutiérrez e D'Alessandro; Marcelo Cirino (Diego) e Nico López (Carlos). Técnico: Antônio Carlos Zago

DETALHESLocal: Estádio do Café, em Londrina/PR. Arbitragem de João Batista de Arruda (RJ), auxiliado por Luiz Antonio Muniz de Oliveira (RJ) e Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ).


PUBLICIDADE

WEBTV

PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS