Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Colorado

Inter vai à luta para voltar à série A "o mais rápido possível"

Equipe já se prepara para encarar o Palmeiras na quarta, pela Copa do Brasil.

Reservas já treinaram neste domingoDepois da derrota para o Novo Hamburgo na final do Gauchão, a vitória sobre o Londrina pela estreia na Série B parece ter servido como motivação para a equipe do Inter na busca pelo seu retorno à primeira divisão do Campeonato Brasileiro. Agora, o objetivo da equipe parece ter ganho um senso de urgência e garantir a classificação o mais cedo possível. E essa pressa passa por uma preparação psicológica forte e uma campanha irrepreensível em casa.

 Após a vitória, foi o técnico Antônio Carlos Zago quem revelou o projeo Colorado. “A gente sonha em obter essa classificação o mais rápido possível, É um campeonato longo, com distâncias mais longas ainda e precisamos nos preparar da melhor maneira para conseguir o acesso o mais rápido possível. Se vai ser em setembro, outubro ou novembro, não sei”, destacou o treinador.

 Foi o capitão da equipe D’Alessandro que ressaltou as dificuldades que a equipe terá. “Podemos estar mal fisíca, tática ou tecnicamente, mas psicologicamente temos que estar fortes.” O Inter pega o Palmeiras na quarta, em São Paulo, pelas oitavas de final da Copa do Brasil, no primeiro jogo.

Dever de casa para garantir o retorno

 O resultado contra o Londrina foi comemorado pela direção do Inter como exemplo para as demais partidas que vem a seguir. “Queremos ter personaglidade para jogar. O que treinamos, foi o que fizemos nesse jogo. Não deu balão em nenhum momento, tentou propor o jogo sempre, buscando criar oportunidades”, destacou o vice-presidente de futebol do Internacional, Roberto Melo, após a partida.

 O fator casa é outro que o Inter não quer desperdiçar durante a Série B. A necessidade de garantir os pontos junto à torcida para não ficar devendo no final faz parte do planejamento da equipe para garantir a vaga. “A gente sabe que vai depender muito da nossa campanha em casa”, destacou D’Alessandro. Zago lembrou que no sábado, é a vez de testar a teoria. O mais importante é fazer o dever de casa contra o ABC.”

Vermelhas

A estreia positiva contra o Londrina foi valorizada por Antonio Carlos Zago após a partida no estádio do Café. O treinador destacou a importância da vitória para o ânimo da equipe após a derrota na final do Gauchão.

“Era importante que estreássemos com vitória. E a equipe respondeu bem depois de não ter ganho o Campeonato Gaúcho. Tivemos regularidade no jogo e intensidade. O Londrina não teve oportunidade e nós tivemos, até para conseguir um placar maior.

E destacou o desempenho contra o Novo Hamburgo. “Nos dois jogo não houve um chute a gol. É um campeonato difícil e quanto mais regularidade tivermos, melhor.”


PUBLICIDADE

WEBTV

PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS