Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Após uma semana

Entre lágrimas e abraços, amigos homenageiam jovem morta em acidente no Centro de NH

Cerca de 60 pessoas seguiram em caminhada até o local da morte de Bárbara Dias Pacheco na tarde deste domingo

  • Flores e fotos foram colocadas no local onde Bárbara morreu no domingo passado
    Foto: Juarez Machado/GES
  • Comovidos, amigos se despediram da jovem
    Foto: Juarez Machado/GES
  • Bárbara Dias Pacheco foi homenageada com um memorial uma semana após acidente na esquina entre a Pedro Adams Filho e a Joaquim Pedro Soares
    Foto: Juarez Machado/GES
  • Amigos e familiares fizeram o mesmo trajeto que a jovem entre a casa noturna e o local do acidente
    Foto: Juarez Machado/GES
  • Amigos carregaram cartazes, fotos da jovem morta em acidente de trânsito e flores
    Foto: Juarez Machado/GES
  • Após a caminhada, familiares e amigos de Bárbara se reuniram no local onde a jovem faleceu no Centro de Novo Hamburgo
    Foto: Juarez Machado/GES

Acervo pessoal
Bárbara Dias Pacheco era caroneira em uma motocicleta e morreu em acidente com carro dirigido por adolescente
Os passos curtos dados pelas pessoas que participaram da caminhada em homenagem à jovem Bárbara Dias Pacheco, na tarde deste domingo (14), podiam ser escutados durante o trajeto entre a casa noturna em que ela estava e o local do acidente, no qual a jovem de 17 anos morreu no início da manhã do dia 7 de maio.

O silêncio do percurso foi interrompido pela emoção e o choro no cruzamento das avenidas Joaquim Nabuco e Pedro Adams Filho, onde Bárbara perdeu a vida na colisão entre a motocicleta em que estava e um carro. Antes de o irmão da jovem William Pacheco colocar a primeira flor branca em cima das marcas do acidente, o Pai Nosso foi rezado.

Na sequência, familiares, amigos e colegas prestaram sua homenagem no sétimo dia de falecimento da jovem, completados hoje. Eles colocaram flores, fotos e fixaram um banner com a foto de Bárbara no local. Depois amigos cantaram a música Trem-Bala. “Viemos fazer uma homenagem, para fazer exatamente o que ela faria”, fala Pacheco. Alguns amigos demonstraram indignação pela forma como a adolescente morreu.

O adolescente de 17 anos que dirigia o carro está internado desde a segunda-feira passada no Centro de Atendimento Socioeducativo, no bairro Canudos. A audiência está marcada para a manhã desta quinta-feira.

Relembre o caso

O acidente aconteceu por volta das 6h40, do domingo (7) no cruzamento das avenidas Joaquim Nabuco e Pedro Adams Filho. Bárbara estava na carona de uma Yamaha Fazer 150, acompanhada do amigo, Natan Andrei Reichert de Souza, de 23 anos. O condutor da moto foi encaminhado ao Hospital Municipal de Novo Hamburgo (HMNH) e depois liberado.

Do outro lado, quem dirigia o veículo Jeep Renegade era um adolescente, também de 17 anos. Uma equipe da brigada Militar que fazia ronda na área viu a caminhonete vermelha em zigue-zague, pelos air-bags que tiraram a visão do motorista, e o corpo de uma jovem no chão.

À polícia, o infrator declarou que pegou o carro da mãe, sem o consentimento dela, na noite de sábado, e foi para uma danceteria na Avenida Nações Unidas com um amigo de 19 anos.

Foi realizado o exame de bafômetro no local, que atestou ingestão de bebida alcoólica. O exame apontou 0,77 miligramas de álcool por litro de ar expelido, mais que o dobro do limite para prisão em flagrante, que é de 0,30.

Estudante de Administração de Empresas, o menor foi internado na tarde de segunda-feira no Centro de Atendimento Socioeducativo, no bairro Canudos. Está indiciado por homicídio doloso com dolo eventual, quando não há intenção, mas o risco assumido de matar. 

A vítima, Bárbara Dias Pacheco, estudante de Letras e manicure, foi enterrada na segunda-feira no Cemitério Municipal de Campo Bom.

Em conformidade com o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), o Jornal NH não divulga o nome de menores de idade envolvidos em atos infracionais. 


PUBLICIDADE

WEBTV

PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS