Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Saúde

RS registra 15ª morte por Influenza neste ano

Vacinação contra a gripe segue ocorrendo em todo o Estado

Divulgação
No Estado, hpa ainda 63 mil doses de vacinas disponíveis

O Rio Grande do Sul registrou a 15ª morte por Influenza neste ano. A informação foi confirmada nesta sexta-feira (16) pelo secretário estadual de Saúde João Gabbardo dos Reis. A vítima é uma mulher, de 46 anos, de Rosário do Sul, que não estava vacinada.

Ao todo, foram registrados 125 casos de pessoas infectadas pelo Influenza. Ano passado, foram 1.377 casos e 211 mortes pelo vírus.

A campanha de vacinação, que encerraria dia 9 de junho, foi prorrogada após não atingir a meta de imunização. Segundo dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde, na última terça-feira, mais de 3,6 milhões de doses foram aplicadas em todo o Estado e, entre os grupos prioritários, a cobertura chegou aos 85%. A imunização continua sendo feita até o final dos estoques disponíveis.

A secretaria ainda estima que restem 63 mil doses da vacina em toda a rede pública do Rio Grande do Sul. A SES orienta que os municípios que ainda possuem vacinas centralizem o estoque remanescente em uma ou duas Unidades Básicas de Saúde, facilitando o encaminhamento das pessoas e otimizando o armazenamento.

Novo Hamburgo

Em Novo Hamburgo, há ainda quatro mil doses disponíveis à comunidade. “Infelizmente, a adesão da população foi muito baixa. Só na categoria das crianças, de 6 meses até 5 anos, dentro do grupo prioritário, na primeira parte da campanha, ficamos em 55% no número de vacinados, enquanto nossa expectativa era de 90%”, explica o secretário de Saúde e vice-prefeito de Novo Hamburgo, Antônio Fagan. Conforme o secretário, o total de cobertura dos grupos ficou em 87%.

Agora, qualquer pessoa pode procurar um posto de saúde para tomar a vacina. “A diferença é que, desta vez, não vamos mais repor os estoques como era feito durante a campanha. Acabando estas 4 mil doses, não vamos mais disponibilizá-la”, comentou.


PUBLICIDADE

WEBTV

PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS