Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Solidariedade

Família de Campo Bom, que teve casa atingida por incêndio, precisa de doações

Donativos podem ser entregues na Sedesh ou na sede da Defesa Civil de Campo Bom

Jester Ternus Dos Santos/Especial
Incêndio atinge residência em Campo Bom
A Prefeitura de Campo Bom está arrecadando doações para a família que teve a residência consumida por um incêndio na noite do último sábado (15) no bairro Celeste. Segundo a  Secretaria de Desenvolvimento Social e Habitação (Sedesh), a principal necessidade da família são doações de materiais de construção como telhas, tijolos, madeira, cimento, entre outros. “A prioridade agora é ajudar a reconstruir o lar destas pessoas. Mas é claro que qualquer doação é bem-vinda, como móveis, alimentação e roupas. Sabemos da solidariedade dos campo-bonenses e que muitos cidadãos já estão se engajando para amenizar o sofrimento dessas pessoas”, afirma Eduardo Assmann titular da pasta.

As doações podem ser feitas na própria Sedesh, localizada na Avenida Independência, 800, ou na sede da Defesa Civil da cidade, que fica junto ao Departamento Municipal de Trânsito na Avenida Adriano Dias, 720. Informações pelos telefones (51) 3597-1589 e (51) 3597-3683.

O incêndio

A família de artesãos jantava em um restaurante no Centro de Campo Bom quando foi avisada que sua casa pegava fogo. O incêndio, que atingiu 85% da residência de cerca de 160 metros quadrados, ocorreu na Rua Montenegro, do bairro Santa Lúcia.

Conforme o sargento do Corpo de Bombeiros Luís Marcelo da Costa, a proximidade com a sede da corporação foi fundamental para que o fogo não atingisse por completo a casa e nem uma marcenaria, que ficava em um prédio anexo. Ao todo foram usados 12 mil litros de água no combate às chamas pelos bombeiros da cidade. Ninguém ficou ferido.


PUBLICIDADE

WEBTV

PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS