Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Libertadores

Grêmio enfrenta o Botafogo envolto de mistérios

Partida é a primeira das quartas de final da Copa Libertadores

Lucas Uebel/Grêmio
Barrios é a referência do ataque tricolor nesta quarta-feira
O Grêmio chega na fase decisiva da Libertadores e inicia a busca por uma vaga na semifinal da competição na noite desta quarta-feira, quando enfrenta o Botafogo, às 21h45, no Rio de Janeiro. A primeira partida das quartas de final é tratada com tamanha atenção pois irá começar a definir qual das equipes segue na competição continental e se aproxima de uma vaga na decisão.

No Tricolor o clima é de mistério. Ainda não há a confirmação se Geromel e Luan estarão em campo. O zagueiro, que havia treinado normalmente na segunda-feira, não participou do trabalho desta terça, sendo preservado. Já Luan segue recuperação de um edema na coxa e pode estar sendo preparado para o jogo da volta, na próxima quarta-feira, na Arena. Portanto, Renato Portaluppi despistou e garantiu que vai aguardar até momentos antes da partida para definir se algum deles jogará.

“Ninguém está descartado nem confirmado. Vamos aguardar até amanhã. O Luan ficou no hotel, mas tem chance. Às vezes o jogador não treina com bola, mas faz outro tipo de trabalho. Geromel treinou com bola, às vezes dependendo do jogador, precisa esperar até o último minuto. É o caso dos dois jogadores, temos mais um dia pela frente. Na minha cabeça não tem dúvida, mas vocês vão saber uma hora antes”, disse.

Alternativas

Caso os dois atletas realmente estejam fora de combate, o técnico gremista deverá manter o zagueiro Bressan ao lado de Kannemann e optar pela entrada de Jailson no meio de campo. Porém, existem diversas maneiras do treinador escalar seu time. Arroyo e Everton também concorrem a uma vaga na equipe titular. Independente de quem vai ou não, uma coisa é certa: o Tricolor precisa voltar do Rio vivo na Libertadores.

Azuis
Em coletiva neste terça-feira, Renato garantiu que o Grêmio vai com outra postura hoje. “Às vezes, é necessário um puxão de orelhas. Fica entre mim e o grupo. O que posso falar é que não vai acontecer a mesma coisa. Eles entenderam o recado. Os próprios jogadores se reuniram, estamos chegando em um momento decisivo na Libertadores. Não pode dar mole. Temos outra pedreira, outra carne de pescoço. Chega uma hora que tem duas opções: ou aprende ou sai da competição. Pode ter certeza que será um Grêmio diferente.”

BOTAFOGO
Gatito Fernández; Luis Ricardo, Joel Carli, Igor Rabello e Gilson; Rodrigo Lindoso, Matheus Fernandes, João Paulo (Valencia) e Bruno Silva; Rodrigo Pimpão e Roger.
Técnico: Jair Ventura

GRÊMIO
Marcelo Grohe; Edilson, Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Jailson (Everton), Arthur, Ramiro, Léo Moura e Fernandinho; Barrios.
Técnico: Renato Portaluppi


PUBLICIDADE

WEBTV

PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS