Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Atenção pais

No Dia das Crianças cuide com brinquedos

Aspirar peças pequenas ou engolir pilhas e baterias podem afetar a saúde
10/10/2017 08:38 10/10/2017 08:41

Divulgação
Data comemorativa requer cuidados na hora de escolher presentes
A alegria de uma criança ao abrir uma embalagem de presente é quase indescritível. No entanto, se para os pequenos esse momento é apenas de empolgação, os adultos cumprem um papel importante. Comprar o brinquedo correto e com segurança é fundamental. O alerta é da Sociedade de Pediatria do Rio Grande do Sul que recomenda alguns cuidados às mamães e papais.
Membro da sociedade, a pediatra Liane Netto, que mantém consultório em São Leopoldo, diz que diariamente ocorrem acidentes ocasionados por conta de brinquedos, principalmente os que envolvem as partes pequenas, pilhas ou baterias. “O ano inteiro tem problemas, mas os problemas aumentam em outubro, por conta do Dia das Crianças, e no Natal, em dezembro”, diz.

Acidentes
Os acidentes mais comuns são o de aspirar peças pequenas ou engolir pilhas ou baterias. No primeiro caso, a peça pode ser deglutida e ir para o esôfago. Se é aspirado, vai para a árvore respiratória. Se vai para via aérea há um risco de sufocamento ou pneumonia. A outra situação é que quando as crianças engolem pilha ou bateria precisam de endoscopia para retirar esses materiais tóxicos.


O que fazer?
Antes de comprar
Verifique se o brinquedo tem selo do Inmetro, pois é a garantia de um brinquedo inspecionado
Confira se a idade da criança é apropriada para a faixa etária impressa na embalagem do brinquedo

Em caso de acidente
Leve a criança para emergência do hospital
Se necessário, contate com Samu ou Corpo de Bombeiros, para receber orientações urgentes

Fique atento
Evite dar brinquedos em forma de armas para não incentivar a violência infantil
Prefira brinquedos que estimulem a educação das crianças
Brinquedos mais adequados para crianças de 18 meses a três anos são os que estimulam o desenvolvimento da criança, como os musicais, bolas e cadernos de desenhos. Já para quem tem entre quatro e nove anos a recomendação são jogos eletrônicos, bicicletas e brinquedos coletivos.


Fonte: Liane Netto, pediatra associada da Sociedade de Pediatria do Rio Grande do Sul


Jornal NH
PUBLICIDADE

WEBTV

PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS