Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Sonia de Wallau

A agenda

Leia artigo de Sonia de Wallau
09/11/2017 12:00

Sonia de WallauSonia de Wallau é psicóloga

wallausonia@uol.com.br

Mudam os costumes, e o modo de registrar a vida também tende a mudar em função dos avanços tecnológicos. Precisamos acompanhar a rapidez com que se movimenta o mundo contemporâneo.

Durante muito tempo, a fiel agenda de papel continua sendo minha companheira. Capa dura ou não – dados profissionais, pessoais. Após, compromissos e horários. Numa folha adiante, aniversário de alguém, anotações, telefones ... Quantos amigos. Gratidão vida!
Eis que no final do ano precisamos trocar a agenda. Mudanças importantes no ciclo da vida. Pode ocorrer a triste constatação do registro e da falta de alguém que não está mais aqui, partiu desta para uma melhor, como creem os espiritualizados. Riscamos sutilmente no papel. Apagamos, mas nunca do coração.

E agora, um parênteses para a agenda virtual e eficiente – fria como tudo o que é perfeito. Para o WhatsApp oportuno. É preciso anotar não somente compromissos e datas festivas, mas também o cotidiano. Atividades. Supermercado. Nos corredores, celular na mão para conferir o anotado. Listas! continuam antigas e ao mesmo tempo renovadas pelo produto que o marketing sedutor anuncia.

Mas nada como a fiel e boa agenda, aquela às vezes somente entendida por quem anota. Contém rabiscos ineligíveis, como sendo algoritmos de agora na era digital. E as divagações que a humanizam?

Aqui e ali um escrito especial de nossa vã filosofia, escrito por acaso ou para ser resgatado. Citações de Sartre, Niesztche, Deleuze? Algum poema de Drummond? Tantos outros geniais.

Mas, cadê meu celular? A vida “anda”. Afinal estamos em 2017! No século 21!


Jornal NH
PUBLICIDADE

WEBTV

PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS