Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

Pré-temporada

Preparação física do Noia no 'ritmo certo'

Anilado completou nesta semana 40 sessões de treinos
19/12/2017 21:46 19/12/2017 21:47

Gustavo Henemann/GES-Especial
Meia Raphael Toledo (E) já demonstrou qualidade nos passes e nos arremates
Como o gramado principal do Estádio do Vale está passando por um processo de manutenção, o Novo Hamburgo precisou mudar os trabalhos da pré-temporada para o campo suplementar. E nesta terça-feira, a equipe treinou em dois turnos no local. Pela manhã, o técnico Beto Campos comandou um treino técnico e tático, e à tarde, o trabalho físico foi com o preparador Rafael Dias. “Gostamos bastante do rendimento físico dos atletas no primeiro amistoso (sábado passado contra o Avenida), sob forte calor, e alguns jogadores atuaram por cerca de 70 minutos. Estamos num ritmo certo, e sem nenhuma lesão, exceto o Preto que teve um desconforto muscular. Fechamos hoje (terça-feira) 40 sessões de treinamentos”, afirmou Dias. “O grupo está bem fisicamente e vem a cada dia fazendo treinos melhores, se entrosando”, reforçou o meia Raphael Toledo.

AMISTOSO NO SÁBADO

No sábado, às 10h30, em Santa Cruz do Sul, o Noia encara novamente o Avenida em novo amistoso preparatório para 2018. O meia Preto, que se recupera de dores musculares e tem treinado normalmente, deve ter condições para atuar cerca de 30 minutos da partida. Já o meia Juninho poderá ter condições para jogar até 45 minutos, visto que parou apenas 15 dias após o fim da Série B.

Elenise Martins/ECNH
Gilvanio Silva, Rafael Suppitz e Rafael Weber no Memorial Anilado
Torcida manda restaurar troféus antigos do Noia

Uma iniciativa dos torcedores anilados é de tirar o chapéu. A partir de um sonho do diretor de torcida do Noia, Rafael Suppitz (Rafael do Santo Afonso), e do seu irmão Fabrício, eles buscaram colaboradores para viabilizar a restauração das antigas taças dos vice-campeonatos gaúchos conquistados pelo clube nas décadas de 40 e 50. A entrega foi feita na semana passada para o vice-presidente de patrimônio, Rafael Weber.

“Era um sonho fazer esse trabalho de limpeza das taças. Já havíamos procurado vários produtos, mas nenhum dava certo. Uma vez fizemos um mutirão para limpar com limão e sal, mas como o cromo estava muito deteriorado, alimentamos o sonho de ver as taças cromadas. Pesquisei empresas, e realizamos também o polimento. O valor total foi de 850 reais (custeado pelos próprios torcedores e amigos do clube). Queremos criar o slogan “Adote uma Taça”, e o torcedor que se interessar poderá custear esse processo (polimento e cromagem)”, detalhou Suppitz.


Jornal NH
PUBLICIDADE

WEBTV

Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS