Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Novo Hamburgo

Empresa intensifica trabalhos para regularizar coleta de lixo

MecaniCapina opera com 13 caminhões nesta sexta-feira (29), quase o dobro da antiga prestadora de serviços
29/12/2017 18:32 29/12/2017 18:33

Inézio Machado/GES
Objetivo da empresa MecaniCapina é regularizar a coleta de lixo em Novo Hamburgo no sábado (30)
A empresa MecaniCapina, que faz a coleta de lixo em Novo Hamburgo desde a manhã desta sexta-feira (29), intensificou os trabalhos durante a tarde e agora opera com 13 caminhões – quase o dobro que a antiga responsável pelo serviço, a Ecopav, utilizava. O esforço é para cumprir a meta de regularizar a coleta de lixo até a noite de sábado). 

Segundo o gerente operacional da MecaniCapina Edson Ferreira todos os caminhões são da empresa que está atuando nos bairros em que houve atraso e também nos que seguem o cronograma normal da Prefeitura. Entre eles estão: Canudos (entorno da Bartolomeu de Gusmão, Parcão, Mundo Novo e Vila Kunz), Boa Saúde, Kephas, Petrópolis, São José e Loteamento Kephas e Redentora, São Jorge, parte de Hamburgo Velho, interior de Lomba Grande. "Os setores do dia todos foram feitos e até amanhã à noite pretendemos regularizar a coleta na cidade. Demos preferência aos locais em que houve atraso e também estamos fazendo nos bairros da coleta de sexta-feira", explica Ferreira.

Os funcionários da Ecovap também devem ser absorvidos pela empresa. Segundo Borges, todos que manifestarem interesse em ficar e que estiverem com as documentações em dia terão emprego garantido.

A MecaniCapina assume a coleta de lixo em Novo Hamburgo também por meio de contrato emergencial. A empresa foi a terceira colocada durante a licitação da última cotação emergencial feita em 2015.

O Município suspendeu no último dia 20 de dezembro a licitação para contratação da empresa que atuará no próximo ano em Novo Hamburgo. A Prefeitura afirma que faz ajustes no texto e deve lançar novamente edital nos próximos dias. Até o momento, 23 empresas já manifestaram interesse em assumir o serviço que custa cerca de 900 mil reais por mês.

Nota

Durante a tarde desta sexta-feira, a empresa Ecopav emitiu nota de esclarecimento sobre sua substituição no serviço de coleta de lixo em Novo Hamburgo. Confira abaixo o pronunciamento na íntegra:

Nota de esclarecimento

A empresa Ecopav, prestadora do serviço de coleta de resíduos domiciliares a mais de um ano neste município, vem a público em respeito à população da cidade de Novo Hamburgo informar que foi surpreendida pela medida de rescisão do contrato por parte da administração Municipal. Esclarece que a empresa desempenha com qualidade e presteza o serviço de coleta de resíduos domiciliares e eventuais problemas são decorrentes de natureza peculiar da atividade, sendo que as solicitações do poder público sempre foram atendidas observando com rigor todas as cláusulas contratuais. A empresa continua à disposição da cidade de Novo Hamburgo para dar continuidade a execução dos serviços, buscando junto a justiça o esclarecimento dos fatos, preservando os direitos da coletividade e da Empresa. Informa ainda que tendo em vista a controvérsia judicial, não dispensou nenhum de seus funcionários que devem estar à disposição da empresa.

A novela do lixo em Novo Hamburgo

Fevereiro de 2014 – Fim do contrato com a Vega;

Março de 2014 a outubro de 2015 – Foram firmados contratos emergenciais (provisórios) com três empresas diferentes para o recolhimento do lixo;

Novembro de 2015 – ART Construtora, Consultoria e Serviços Ltda venceu o lote 1 do edital de limpeza pública. Assim, ficou responsável por recolher o lixo, levar até a estação de transbordo no bairro Roselândia e depois transportar o material que não pode ser aproveitado para Minas do Leão;

Outubro de 2016 – Funcionários protestaram contra o atraso dos salários, evidenciando problemas financeiros da empresa. O contrato com a ART foi então cancelado. A Prefeitura faz contrato emergencial com a Urban Serviços e Transportes, que desistiu do serviço logo depois;

Novembro de 2016 – Firmado outro convênio temporário com a Ecopav Construção e Soluções Urbanas por 180 dias ao valor de 117 reais por tonelada de lixo recolhido;

Dezembro de 2016 – Moradores reclamam da falta de recolhimento do lixo, e cinco caminhões da Ecopav param por problemas de manutenção;

Janeiro de 2017 – Mais uma vez sem receber os salários e os benefícios, garis e motoristas cruzam os braços, e o serviço fica prejudicado no município;

Fevereiro de 2017 – Após os problemas de janeiro, a Prefeitura anunciou que lançaria em março um novo edital para escolha de uma empresa para fazer o recolhimento do lixo. O edital saiu, entretanto, apenas em maio;

Maio de 2017 – O contrato emergencial com a Ecopav Construção e Soluções Urbanas, que venceria neste mês, é renovado por um prazo de até 180 dias. Pode ser rompido antes, se a nova licitação for concluída e a empresa selecionada começar a trabalhar.

Junho de 2017 – Prefeitura suspende o edital lançado em maio, alegando “adequações técnicas e jurídicas” ao projeto.

Novembro de 2017 – Lançada, pela segunda vez no ano, a licitação para recolhimento de lixo em Novo Hamburgo. Propostas são aguardadas para o dia 21 de dezembro. Contrato emergencial com a prestadora provisória é renovado por um prazo de até 180 dias.

Dezembro de 2017 – No dia 7 ocorre nova paralisação dos funcionários da Ecopav, por suposta falta de pagamentos. Serviços são normalizados no dia seguinte. Em 20 de dezembro, um dia antes do recebimento das propostas, edital novamente é suspenso sob o argumento de “adequações técnicas”.


Jornal NH
PUBLICIDADE

WEBTV

PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS