Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Previsões

Numerologia e orixás revelam o que nos espera em 2018

Babalorixá e terapeuta holística de Novo Hamburgo falam sobre o novo ano que se inicia
30/12/2017 07:00 30/12/2017 08:21

Eduardo Cruz/GES-Especial
Pai Adriano de Ogum
O ano que bate à porta vem recheado de boas notícias e promete ser melhor do que o que se despede. Pelo menos, segundo as previsões do babalorixá Adriano Farias, o Pai Adriano de Ogum, que jogou búzios, e da terapeuta holística Nílvia Regina Almeida da Rosa, ambos de Novo Hamburgo. Eles são unânimes em dizer que 2018 será um ano grandioso, mas de muito acerto de contas.

O poder dos números

Nílvia, que usou a numerologia para realizar as previsões, diz que será um ano de força e feminino, de mulheres intuitivas, que alavancam o amor, a fraternidade, um ano para reforçar o sentido da recuperação. Ela explica que as sombras guardadas por baixo do tapete por várias reencarnações terão um momento de lucidez. "Teremos que recuperar as coisas deixadas para trás. Esse lixo varrido para debaixo do tapete será colocado à luz", salienta. Com isso, as pessoas vão procurar se espiritualizar, unir-se, conversar mais, vai ter muito  abraço, mais harmonia, mais vontade de ajudar. "São todas as coisas boas que Jesus pregava: amai-vos uns aos outros com eu vos amei", cita Nílvia.

O que dizem os orixás

O pai Adriano de Ogum explica que o ano de 2018 será regido pelo orixá Bará, que corresponde a cor vermelha, "O Bará é que abre os caminhos. Aquilo que está trancado para as pessoas, ele abrirá", salienta. No entanto, destaca, Bará cobrará as pessoas que estão em débito.

Enfim, se depender das previsões é um ano que promete ser melhor. "Todos estaremos com olhar fixo no horizonte de um novo ser, de um novo mundo, de uma nova oportunidade de ação", diz a terapeuta holística. Para ela, é importante que as pessoas façam a pergunta:  O que estou fazendo com a minha vida? "Se cada um fizer essa pergunta, todos seremos um só e melhor. O meu recado é que prestem mais atenção no sol, no perfume, nas flores, na alegria de viver. Esqueçam o passado, pois é necessário que se construam novas frases. É necessário que agradecemos a Deus todo dia"


Confira as previsões

Pai Adriano de Ogum

Michel Temer - Um ano de dificuldades. A população não o aceitou. Ele não faz um bom governo e as pessoas ao lado dele não o ajudam e fazem coisas erradas. A saúde dele não anda bem e pode ter doença grave. Ele precisa cuidar muito da saúde.

José Ivo Sartori - Muita dificuldade no governo dele na questão financeira. Ele não consegue reeleição. A sociedade não aceitou o que ele fez, principalmente na educação. O Estado está quebrado e vai demorar muitos anos para se recuperar, terá que passar por vários anos para se reerguer.

Fatima Daudt - Está tentando fazer o melhor. É uma boa prefeita. Ela precisa ser melhor assessorada. Ela quer trazer novas empresas para o município, quer melhorar a cultura, a parte da educação. O Brasil e Estado estão quebrados, mas ela vai conseguir trazer investimentos porque é guerreira. Ela vai conseguir gerar emprego até o final do mandato. Ela não está sendo assessorada, anda muito sozinha.

Noia - Há possibilidade de ganhar títulos, mas pequenos. Novo Hamburgo vai fazer boa campanha do campeonato gaúcho. O novo presidente, o Maneca, vai fazer um bom trabalho. Há possibilidade de títulos metropolitanos. O time não pode criar vaidade no vestiário.

Inter - Muita dificuldade para o Internacional. Há probabilidade de um título, mas se melhorar o vestiário, ter novas contratações. Ele tem condições de conseguir uma vaga para a Libertadores e fazer um bom campeonato. O ano ainda é difícil porque ele está conseguindo transformar a casa dele. A sua diretoria pensa muito pequeno. Precisa pensar grande. A autoestima está pequena.

Grêmio - Um ano bom. Vai vir coisa boa. Ele deve continuar com o mesmo time e segurar o máximo de jogadores. Ainda tem um a dois títulos para 2018. 

Nílvia Regina Almeida da Rosa, terapêuta holítisca

José Ivo Sartori - Tem uma proteção forte do arcanjo Miguel. Ele entra o ano com dificuldades herdadas de anos anteriores, mas tem uma boa secretaria. Ele tem pessoas que calçam com gabarito. Mau amado hoje, mas isso pode mudar ao longo de 2018. Ele pode ter criatividade para trazer a solução. Parece que no governo do País acontece alguma coisa de socorro financeiro, que vem de encontro para nós na saúde, segurança e educação.Ele melhora essa visão mal amada de hoje para coisas maiores. É um guerreiro muito bem assistido.

Michel Temer - As notícias não são boas. Ele não tem mais como governar esse navio. Ele não vai suportar o peso de tudo isso, até porque ele tem elementos anteriores que o fazem terminar de bom grado esse governo. Acho que não vai até o fim. Na carta dos anjos não temos boas notícias na saúde dele, bastante comprometida. Ela está bastante fragilizada e ele terá complicações sérias.

Fatima Daudt - Apaixonada pelo que faz e é uma pessoa de um espírito nobre. Ela se sente em uma caixinha porque gostaria de fazer mais, mas a gente sabe que os governos anteriores deixam marcas que o governo de agora não consegue resolver. Ela é apaixonada por crianças e gostaria de fazer grandes construções nessa área social. É um bom governo. É claro que ela não consegue agradar a gregos e troianos, mas ela faz o que pode e luta muito. Ela está disposta a vencer e vai brigar muito com coisas erradas que são vícios de antigamente e vai vencer. Talvez fique mais tempo do que a gente imagine.

Inter - Ele tem um primeiro semestre de muito trabalho, vai lutar muito. As dificuldades de 2017 colocaram nas vísceras desses meninos a vontade de recomeçar e temos boas noticias no segundo semestre. Além disso, acho que vão fazer duas substituições no time e a administração também tem transformações terminando o ano com possibilidades de vitória. Encerra o ano com festa grande.

Grêmio - O time acredita que não precisa lutar e se acomodou. Por ser campeão fica mais devagar. O Grêmio vai ter dificuldades com lesões em campo. Pessoas importantes no campo terão dificuldades de saúde por causa de jogos agressivos. Ainda terão algumas dificuldades na administração. É um ano de sucesso mas não tanto como 2017.

Noia - O Novo Hamburgo tem oportunidade de se orgulhar do time e espalhar muita alegria. É um time cheio de gás, que quer fazer melhor. É um ciclo bom para o Novo Hamburgo. Ele tem chances de ficar lá em cima.

O número do ano*

É o 11. É uma carta da força, que é duas vezes o número 1. Significa o despertar da mente, a capacidade de olhar além do que está muito perto, de encontrar um horizonte mais colorido. Aquele potinho de ouro pode ser encontrado em 2018. O 11 uma vibração excelente, porque traz a oportunidade de renovação. O novo ano não para ficar se martirizando , mas fazem uma nova planilha de sonhos. Vai ser um ano muito próspero. A soma dos dois números (11) dá dois, que representa a mulher guerreira e um ano de parcerias.

Os anjos que regem

Yesalel - O anjo vai cuidar dos relacionamentos, dos namorados, dos amigos, dos sócios, das parcerias. Ele tem tendência a ajudar a definir. Sofrimento não tem espaço.
Elemiah - É um anjo que oferece força para o discernimento, para clarear as coisas.

No clima da virada

A roupa - Vermelho e branco são cores que regem o ano.

O alimento - As frutas não podem faltar. Uvas e romã (partida ao meio) significam o coletivo, a união, a prosperidade. Outras frutas vermelhas, como morangos e ameixas devem estar presentes

Fartura - 10 ramos de trigos, lembrando o pão, podem fazer parte da decoração da mesa, colocados em um vaso de vidro, com rosas brancas e vermelhas -as cores do ano - e o tradicional amarelo

Paz e união - A mesa deve ser decorada com toalha branca e a água não pode faltar. O ideal é tomar um copo de água na virada do Ano Novo.


*Fonte: Nílvia Regina Almeida da Rosa - terapeuta holística



Jornal NH
PUBLICIDADE

WEBTV

PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS