Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Em Araricá

Motorista de Camaro que atropelou três em SC é preso por furto de energia elétrica

Rodrigo de Souza Bueno foi encaminhado ao sistema prisional sem opção de pagar fiança
11/01/2018 18:28 11/01/2018 19:24

Reprodução/Facebook
Jeferson Rodrigo de Souza Bueno é considerado foragido da polícia
O empresário de Sapiranga envolvido em um atropelamento de três pessoas em Santa Catarina durante a passagem do ano 2016 para 2017 foi preso na tarde desta quinta-feira (11) em Araricá acusado de furto qualificado de energia elétrica. Jeferson Rodrigo de Souza Bueno, 30 anos, foi detido, junto com outros dois homens de 37 e 38 anos, em uma ação do Departamento Estadual de Investigação Criminal (Deic).

Segundo a delegada Marina Goltz, que coordenou a ação, a abordagem aconteceu numa empresa metalúrgica, localizada no Centro, onde Bueno é gerente. “A RGE nos informou que estava com dificuldade de proceder a fiscalização no local, pois eram sempre intimidados por uma pessoa armada e aí solicitaram o nosso apoio. Policiais sem nenhuma identificação foram acompanhar o trabalho e então prenderam em flagrante, por porte ilegal de arma de fogo, este homem que veio intimidar a equipe”, detalha a delegada. Na sequência, Bueno e mais um homem foram detidos pelo furto da energia. Os nomes dos outros dois presos não foram citados pela Polícia Civil.

Polícia Civil/Polícia Civil/Divulgação
Deic precisou ser chamado para auxiliar no serviço da RGE
Com o detido por porte ilegal de arma foi apreendida uma pistola calibre .40. Os presos foram levados à carceragem em Porto Alegre. De lá, Bueno seguirá para a prisão. “Ele fica na cela do Deic onde serão concluídos os procedimentos e depois será encaminhado ao sistema prisional. Não coube fiança neste caso”, explica a delegada. O Jornal NH tenta contato com a defesa dele.

Morte e feridos em SC

No dia 1º de janeiro, o Camaro dirigido por Bueno se envolveu em um acidente que matou Cristiane Flores Gonçalves, 31 anos. O marido, Nilandres Lodi, 36, perdeu as pernas. A residência do casal ficava na frente do local do acidente. Um amigo, Gean Carlos Matos, 21, foi hospitalizado com graves ferimentos.

Um Audi e o Camaro colidiram na madrugada da virada do ano na SC-403, na Praia dos Ingleses, em Florianópolis, e uma Hilux estacionada acabou sendo atingida, assim como os três ocupantes, que recém tinham descido da caminhonete. As vítimas tinham voltado dos festejos de ano-novo. Desceram do carro e caminhavam até a porta de casa, na rodovia Armando Calil Bulos, por volta das 3 horas, quando foram atingidas pelo Camaro desgovernado.

Também foram atingidos um quiosque de sorvete expresso, um carro de lanches e o muro de uma escola de idiomas. De acordo com a Polícia, Bueno deixou o Camaro e saiu sem prestar socorro. Dois dias depois, foi decretada a prisão preventiva do sapiranguense.

No dia 23 de maio de 2017, a defesa de Bueno conseguiu suspender seu mandado de prisão. Respondendo a processo por homicídio doloso qualificado (quando há intenção de matar), Bueno conseguiu ainda reduzir pela metade a fiança imposta, saindo de R$ 140.550,00 para R$ 70.275,00.


Jornal NH
PUBLICIDADE

WEBTV

PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS