Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Transição

Desligamento do sinal analógico é adiado para 14 de março no Rio Grande do Sul

Famílias de baixa renda atendidas pelo Governo Federal têm direito a retirar kits gratuitamente
30/01/2018 16:59 30/01/2018 17:06

O desligamento do sinal analógico de TV aberta no Rio Grande do Sul, inicialmente previsto para esta quarta-feira (31), foi adiado. A nova data é 14 de março, segundo o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC). A decisão do adiamento foi tomada após uma reunião nesta terça (30) e, segundo o Ministério, levou em consideração pesquisas recentes realizadas nas regiões que teriam seu sinal desligado nos próximos dias. Estes estudos apontaram o índice de domicílios preparados para receber o sinal digital de televisão. Para ocorrer o desligamento, o percentual mínimo exigido é de 90%, conforme portaria do MCTIC. No Estado, o grupo de 107 municípios gaúchos que teria o sinal desligado nesta quarta está com um percentual de 88% dos domicílios prontos para receber o sinal digital. 

As famílias de baixa renda atendidas pelo Governo Federal têm direito a retirar um kit gratuito com controle remoto, conversor e antenas. Para saber se você pode fazer a retirada, basta acessar o site sejadigital.com.br/kit ou ligar de forma gratuita para o número 147 com o CPF ou Número de Identificação Social (NIS) fornecido pelo Ministério do Desenvolvimento Social em mãos.

Caso você não seja beneficiário, pode conferir se a sua antena e/ou televisão captam o sinal digital e, a partir daí, se necessário, buscar um conversor, antena ou novo equipamento. Caso seja assinante de TV a cabo, entre em contato com a sua operadora para buscar mais informações sobre como proceder.

Confira as cidades gaúchas que terão o sinal analógico desligado em março

Municípios do estado do Rio Grande do Sul: Alto Feliz, Alvorada, Araricá, Arroio do Meio, Arroio dos Ratos, Balneário Pinhal, Barão, Barão do Triunfo, Barra do Ribeiro, Bento Gonçalves, Boa Vista do Sul, Bom Princípio, Bom Retiro do Sul, Brochier, Butiá, Cachoeirinha, Campestre da Serra, Campo Bom, Canela, Canoas, Capela de Santana, Capitão, Capivari do Sul, Carlos Barbosa, Caxias do Sul, Charqueadas, Cidreira, Colinas, Cotiporã, Cruzeiro do Sul, Dois Irmãos, Eldorado do Sul, Estância Velha, Esteio, Estrela, Farroupilha, Fazenda Vilanova, Feliz, Flores da Cunha, Garibaldi, General Câmara, Glorinha, Gramado, Gravataí, Guaíba, Harmonia, Igrejinha, Imbé, Imigrante, Ipê, Ivoti, Lajeado, Lindolfo Collor, Linha Nova, Maratá, Mato Leitão, Minas do Leão, Monte Belo do Sul, Montenegro, Morro Reuter, Nova Hartz, Nova Pádua, Nova Petrópolis, Nova Roma do Sul, Nova Santa Rita, Novo Hamburgo, Osório, Palmares do Sul, Pareci Novo, Parobé,

Sua TV é digital?

Os televisores de LED, LCD ou Plasma com o selo DTV já são digitais. A partir daí, basta instalar uma antena digital e sintonizar os canais.

As TVs de LED, LCD ou Plasma fabricadas antes de 2010 e que não contêm o selo DTV provavelmente não são digitais. As fabricadas depois de 2010, mesmo sem o selo DTV, podem ser, mas é preciso conferir o manual da televisão ou ligar para o fabricante para ter certeza antes de instalar antena e os demais equipamentos.

As televisões de tubo não são digitais. Neste caso, se a TV tiver entrada de sinal digital, será necessário usar um conversor e uma antena.

Fonte: Seja Digital

Descarte responsável

Caso você opte por trocar sua televisão antiga por uma nova, há pontos de coleta na região para que você possa descartar o equipamento eletrônico de forma correta e responsável. Segundo a Seja Digital, o prazo para descarte vai até amanhã. No Vale do Sinos, há um ponto de coleta em Novo Hamburgo, três em São Leopoldo e dois em Sapucaia do Sul. No site sejadigital.com.br/recicle, há mais informações sobre descarte responsável e um mapa para buscar o ponto de coleta mais próximo de cada residência.

Pontos de coleta no Vale do Sinos:

Novo Hamburgo

Rua 03 de outubro (Rodoviaria de NH)
Horário de funcionamento: segunda a sexta das 7h30min às 20h

São Leopoldo

Rua São Domingos, 1097 Sindicato dos Metalúrgicos
Horário de funcionamento: segunda a sexta das 8h às 17h

Avenida Parobé, 260 – Bairro Scharlau
Horário de funcionamento: segunda a sexta das 8h às 17h

Avenida Integração, nº 1383
Horário de funcionamento: segunda a sexta das 8h às 17h

Sapucaia do Sul

Av. Valdomimo Machado, SN – Praça do Ceu (CRAS Nordeste)
Horário de funcionamento: segunda a sexta das 8h às 17h

UBS - Rua Girua, nº 801
Horário de funcionamento: segunda a sexta das 8h às 12h e das 13h às 17h

Entenda

A Seja Digital, instituição que operacionaliza a migração do sinal analógico para o digital no Brasil, deu início ao processo de transição em 2015. Para este ano, a estimativa do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações é de que mais de 1,3 mil municípios tenham o sinal analógico desligado. Esse desligamento libera a faixa de 700Mhz para que a internet 4G possa ser expandida com mais alcance e velocidade de conexão pelo País.


Jornal NH
PUBLICIDADE

WEBTV

PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS