VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Motores

Conheça o Captur, o novo SUV da Renault

Modelo da montadora francesa chega às lojas em 10 de março.

Por Micheli Aguiar
A Renault fez nesta terça-feira (14) o pré-lançamento do seu mais novo Suv, o Renault Captur. Todo idealizado pela equipe brasileira da montadora francesa, o veículo será produzido em São José dos Pinhais, no Paraná. O lançamento oficial, entretanto, fica para 10 de março. Quem quiser já fazer teste drive e conhecer o modelo, é possível. Uma semana é o prazo para a entrega de quem se apaixonar e comprar o veículo.
Novidade no Brasil, o modelo já é sucesso na Europa, onde o Captur é baseado no Clio. Aqui em terras tupiniquins, na Rússia, onde já está rodando, e na Índia, onde chega em três meses, o modelo é baseado no sucesso Duster - veículo que segue como primeiro de linha para a marca. A versão brasileira também foi apresentada ao público no Salão do Automóvel do ano passado.
  • As opções de cor de pintura em único tom para o Captur são branco, cinza, prata e preto
    Foto: Micheli Aguiar/GES-Especial
  • Rodas de liga leve de 17 polegadas fazem parte dos itens de série do Captur
    Foto: Micheli Aguiar/GES-Especial
  • Os preços do Captur partem de R$ 78.900
    Foto: Micheli Aguiar/GES-Especial
  • Modelo brasileiro do Captur é baseado na Duster
    Foto: Micheli Aguiar/GES-Especial
  • Novo SUV da Renault, o Captur foi apresentado ao mercado brasileiro nesta terça-feira, em São Paulo
    Foto: Micheli Aguiar/GES-Especial
  • Novo Renault Captur: visão lateral
    Foto: Renault/Divulgação
  • Novo Renault Captur: sinaleiras traseiras
    Foto: Renault/Divulgação
  • Novo Renault Captur: porta-malas
    Foto: Renault/Divulgação
  • Novo Renault Captur: Motor
    Foto: Renault/Divulgação
Preços
O Captur brasileiro parte de R$ 78.900, na versão Zen, que tem motor 1.6 flex, de 120 cavalos (com etanol), o mesmo do Duster, e câmbio manual de 5 marchas. Se quiser central multimídia MediaNav e câmera de ré, a conta sobe para R$ 80.890.
A segunda configuração disponível é a Intense, com motor 2.0 (148 cv) e câmbio automático de 4 marchas, por R$ 88.490. Bancos de couro são opcionais (R$ 1.500).
Ambas também cobram mais por pintura em dois tons (carroceria e teto): R$ 1.400.
Motor e consumo
O motor 1.6 de Captur e Duster teve melhorias no ano passado, quando estreou no Sandero e no Logan.
Para o Duster ele passou a entregar consumo 18% menor. As médias para o Captur divulgadas pela montadora são:
• na cidade: 7,6 km/l (etanol); 10,9 km/l (gasolina)
• na estrada: 8,0 km/l (etanol); 11,3 km/l (gasolina)
Para o 2.0, são:
• na cidade: 6,2 km/l (etanol); 8,8 km/l (gasolina)
• na estrada: 7,3 km/l (etanol); 10,8 km/l (gasolina)
Equipamentos
De série, o novo Renault conta com:
• ar-condicionado e vidros elétricos
• controles de estabilidade e de tração
• direção eletro-hidráulica (um motor elétrico aciona o sistema de direção hidráulica)
• airbags laterais (fora os frontais obrigatórios)
• controle de velocidade de cruzeiro
• assistência de retrovisor com rebatimento elétrico
• rodas de liga leve 17 polegadas
• sensor de estacionamento traseiro
• luzes diurnas de LED (válidas para a lei do farol de dia nas estradas)
• farol de neblina em LED
• sistema Isofix (mais simples) para cadeirinha
• Bluetooth
• Chave-cartão
Um detalhe que chama a atenção é a chave-cartão. Ela é presencial: basta tê-la no bolso para poder apertar o botão de partida e ligar o carro. É um “mimo” que a Renault tinha aqui no Mègane e continua oferecendo na Europa, inclusive no Captur de lá (baseado no Clio).
As opções de cor de pintura em único tom são branco, cinza, prata e preto. Para carroceria com cor diferente do teto há 9 combinações possíveis, com mais opções de cor para a carroceria.
Micheli Aguiar viajou a São Paulo a convite da Renault

Desenvolvido no Brasil, Honda WR-V chega em março

SUV compacto com motor 1.5 tem visual aventureiro e é feito sobre a plataforma do Fit .

Adair Santos/GES-Especial
O Honda SVU subcompacto chega em março ao mercado nacional
O novo carro da Honda, o WR-V, chega em março ao mercado nacional. O SUV subcompacto já está sendo fabricado em Sumaré, interior de São Paulo, e preencherá a lacuna hoje existente entre o monovolume Fit e o SUV compacto HR-V. Os preços não foram divulgados, mas deverão começar na casa dos 65 mil reais. O workshop de apresentação ocorre nesta terça-feira (31) e o lançamento à imprensa já tem data e local marcados: 13 e 14 de março em Foz do Iguaçu, no Paraná.
O líder geral do projeto WR-V, Luís Marcelo Kuramoto destaca que este é o primeiro modelo totalmente desenvolvido pela Honda do Brasil, norteado no conceito Little Giant, ou "pequeno gigante". O líder de design, Edison Matsuzake observa que o carro oferece bom espaço interno, é prático para carregar grandes volumes e tem acabamento composto por tecidos e revestimentos diferenciados. "O metal feeling, que são os detalhes prateados, passa a sensação de requinte e tecnologia", salienta.
O WR-V é o quinto a ser produzido no Brasil, juntamente com Civic, City, HR-V e Fit. Em 2016, a fábrica de Sumaré - inaugurada em outubro de 1997 e que emprega 3 mil funcionários - produziu 120 mil veículos. No País, a Honda já montou 1,6 milhão de unidades em duas décadas.
  • Carro oferece bom espaço interno, é prático para carregar grandes volumes e tem acabamento compostos por tecidos e revestimentos diferenciados
    Foto: Adair Santos/GES-Especial
  • O powertrain é o mesmo do Fit: motor 1.5 FexOne
    Foto: Adair Santos/GES-Especial
  • A direção é elétrica e a suspensão traseira do tipo eixo de torção
    Foto: Adair Santos/GES-Especial
Motor 1.5 e câmbio CVT
O powertrain é o mesmo do Fit: motor 1.5 FexOne (115 cv de potência com gasolina e 116 com álcool, bem como 15,2 kgfm e 15,3 kgfm de torque, respectivamente), aliado ao câmbio CVT. A direção é elétrica e a suspensão traseira do tipo eixo de torção, enquanto os pneus são exclusivos, na medida 195/60 R16, privilegiando o conforto.
O modelo tem quatro metros de comprimento, 2,55 metros entre-eixos e 1,57 metro de altura. Seu porte é idêntico ao do Fit, já que usa praticamente a mesma carroceria e a plataforma, mas com algumas modificações, a exemplo da maior altura em relação ao solo, de 20 cm, contra 15 cm do Fit.
O design dos faróis e das lanternas em forma de "C" é diferente em relação aos demais modelos da marca. Externamente, chamam a atenção os apliques pretos nas molduras das caixas de rodas, o que confere um visual Cross e será o padrão para todas as versões.
Por dentro, adota as mesmas soluções de modularidade do Fit, com bancos traseiros que podem ser rebaixados e levantados para carregar um vaso de flores, por exemplo. O painel também tem visual idêntico ao do Fit, tanto nas linhas como nos materiais. O diferencial está nos bancos, com detalhes em laranja. No porta-malas, cabem 363 litros.
Nova fábrica está pronta, mas sem operação
A segunda fábrica da marca no Brasil, em Itirapina, interior de São Paulo, recebeu um bilhão de reais em investimentos e tem capacidade para 120 mil veículos ao ano, mas ainda está em stand by em função da retração do mercado nacional de veículos. Sua inauguração deveria ter ocorrido no início de 2016.
Viagem a convite da Honda

Volkswagen supera Toyota e é nova líder mundial em 2016

Japonesa vendeu no ano passado 10,18 milhões de veículos, enquanto o gigante alemão chegou aos 10,3 milhões.

AFP
Volkswagen desbancou Toyota e é líder mundial na venda de automóveis em 2016
O fabricante de automóveis japonês Toyota, que dominava o mercado mundial há vários anos, foi destronado em 2016 pelo alemão Volkswagen (VW), que pela primeira vez chega à liderança mundial de vendas apesar do escândalo do "dieselgate".

A Toyota vendeu no ano passado 10,18 milhões de veículos (+0,2% anual), enquanto o gigante alemão chegou aos 10,3 milhões (+3,8%), segundo números divulgados nesta segunda-feira (30), e se proclamou novo campeão mundial.

Oficialmente, a Toyota, líder mundial de 2008 a 2015 – com exceção do ano de 2011, do terrível tsunami no nordeste do Japão – não dá grande importância a esta mudança. "Ser número um ou dois é algo que nunca importou a eles", comenta Hans Greimel, especialista do Automotive News, com sede em Tóquio. "Secretamente há um orgulho em ser líder, mas não é algo que seja um objetivo da empresa", afirma o especialista.

Para o grupo Volkswagen – matriz de doze marcas, entre elas Audi, Porsche, Seat, Skoda e Bentley –, este título de campeão em 2016 é uma forma de renascimento após um ano de 2015 ofuscado pelo escândalo da adulteração de seus veículos a diesel.

Em terceiro lugar aparece o gigante americano General Motors, com 9,8 milhões de veículos, que ainda não comunicou seus números, e que devem ser próximos aos do grupo fruto da aliança franco-japonesa Renault-Nissan.

Facelift estendido para toda a linha Etios

Mudanças visuais, que antes estavam restritas às versões mais caras, modernizam hatch e sedã da Toyota.

Etios 2018
O visual diferenciado, que até o ano passado era exclusivo para as versões mais caras Ready e Platinum, agora é estendido para toda a família Etios. As vendas da linha 2018 começaram em 24 de janeiro, com preços a partir de R$ 45,99 mil.
O novo visual dos modelos de entrada da Toyota foi desenvolvido localmente, no centro de design brasileiro. O Etios foi o primeiro compacto do País a conquistar quatro estrelas (de cinco possíveis), em proteção para os passageiros dos bancos dianteiros, no teste de colisão do Latin NCap. Sua carroceria tem vários pontos de absorção de impacto e deformação programável, seguindo os padrões globais da marca.
Na linha 2018, a montadora manteve os sistemas de segurança, como o encosto de cabeça e do cinto de segurança de três pontos para o passageiro central do banco traseiro e do sistema de ancoragem de cadeiras de crianças Isofix. Todas as versões são equipadas com air bag frontal duplo e freios ABS com distribuição eletrônica de frenagem (EBD), assegurando o controle direcional em frenagens de emergência.
Além disso, toda a linha pode ser negociada pelo Ciclo Toyota, estratégia de vendas que oferece condições especiais na compra de um veículo zero. A modalidade de negócio visa a criar benefícios exclusivos para o consumido.
Design 
Etios 2018
O visual destaca os novos para-choques dianteiros e traseiros, enquanto a nova grade confere ao modelo uma sensação de maior dinamismo. Além disso, à versão XLS foi adicionado um diferencial com saias laterais (antes disponível apenas na Platinum), enquanto a Platinum ganhou um detalhe cromado na grade dianteira e tapetes de carpete.
Opções de motor 1.3 ou 1.5

Os motores seguem os mesmos: 1.3 e 1.5, ambos 16V Flexfuel, produzidos na planta da Toyota inaugurada em 2016, na cidade de Porto Feliz, São Paulo. Ambos trazem a já tecnologia de duplo comando de válvulas variável Dual VVT-i, que atua no gerenciamento dos sistemas de admissão e escape da câmara de combustão, otimizando a queima do combustível de maneira inteligente, refletindo em melhor desempenho e menor consumo. Os dois propulsores são construídos com bloco e cabeçote em alumínio, oferecendo a combinação perfeita entre desempenho e durabilidade.
1.3 Flexfuel: Dual VVT-i DOHC de 16 válvulas, desenvolve 98 cv a 5.600 rpm quando abastecido com etanol e 88 cv também a 5.600 giros com gasolina. O torque máximo nesta configuração é de 12,8 kgfm com etanol e de 12,3 kgfm com gasolina, sempre a 4.000 rpm.
Etios 2018
1.5 Flexfuel: Dual VVT-i DOHC de 16 válvulas, rende 107 cv de potência a 5.600 rpm quando abastecido com etanol e 102 cv, também a 5.600 giros, com gasolina. O torque máximo nesta configuração, a 4.000 giros, é de 14,4 kgfm com etanol e de 14 kgfm com gasolina.
Duas opções de câmbio
Etios 2018
A transmissão pode ser manual de seis velocidades ou automática de quatro. Porém, a partir de agora, somente as versões X e XS contam com as duas opções, enquanto a Ready, XLS, Cross e Platinum são oferecidas apenas com caixa automática. Para as configurações manuais, a Toyota adotou o IMT – Monitor Inteligente de Aceleração –, que funciona como um auxiliar de arranque, evitando que o motor “apague” assim que o motorista tira o pé da embreagem para colocar o carro em movimento. Além disso, a caixa manual de seis velocidades possui acionamento hidráulico da embreagem.
Versões e equipamentos
X
A versão de entrada da linha Etios, a X, traz de série, na linha 2018, itens como o Toyota Smart Screen, computador de bordo, antena externa do tipo short pole e banco traseiro com encosto rebatível. O modelo também possui direção eletroassistida progressiva (EPS), ar-condicionado, abertura interna do porta-malas e do tanque de combustível, chave com comando de abertura e fechamento das quatro portas, console central com dois porta-copos dianteiros e um traseiro, para-sol com espelho de cortesia para motorista e passageiro, alarme de advertência para portas abertas, chave na ignição e cinto de segurança e vidros dianteiros e traseiros com acionamento elétrico, sendo o do motorista com função auto-down e travas elétricas, entre outros itens de conforto, conveniência e segurança, além dos obrigatórios air bag duplo dianteiro e freios com sistema ABS de última geração.
XS
Adiciona os seguintes itens, partindo da versão X: sistema de áudio que reproduz arquivos de MP3 com função bluetooth e entradas auxiliar e USB, controle de velocidade de cruzeiro (versão automática), controle de áudio e do computador de bordo no volante, difusores do ar-condicionado e base da manopla da alavanca da transmissão cromados, abertura do porta-malas por meio de um botão, bancos com tecido em duas cores, descansa-braços no assento do motorista (somente na configuração automática), alto-falantes e tweeters, além da função EcoWallet no computador de bordo, que permite ao motorista colocar o valor pago pelo litro do combustível e, assim, calcular e monitorar o valor gasto durante uma viagem.
Ready
A edição especial, que já conta com o design renovado que passa a integrar toda a linha 2018, é baseada na XS hatchback com transmissão automática e tem acessórios internos exclusivos que reforçam a sensação de conforto, privilegiando a independência e liberdade dos ocupantes do veículo. Entre os itens estão bolsa organizadora e tapetes para porta-malas, suporte para bolsas e mochilas, sensor de estacionamento traseiro na cor do veículo e sistema multimídia Toyota Play, antes presente somente na versão topo de linha Platinum, com áudio, bluetooth, TV digital, DVD e GPS integrado.
Etios 2018
XLS
Agrega todos os equipamentos da versão XS, mais rodas em liga-leve aro 15’’ (nas X e na XS são aro 14’’, revestidas com calotas), sistema de áudio com tela touch screen, que permite espelhamento de smartphones, faróis de neblina, acabamento cromado na tampa do porta-malas, revestimento do volante em padrão couro, retrovisores externos com indicadores de seta integrados e acabamento dos bancos Comfort Drive (padrão couro).
Cross
Disponível apenas na carroceria hatchback, não possui alteração de design, já que conta com detalhes exclusivos enaltecendo sua vocação aventureira. No entanto, diferencia-se da XLS pelo desenho das rodas em liga-leve, costura exclusiva dos bancos, manopla do câmbio com acabamento em couro e jogo de tapetes com a inscrição Cross.
Platinum
A versão topo de linha conta com todos os itens da versão XLS, mais rodas em liga-leve aro 15’’ com design esportivo, manopla de câmbio em couro, máscara negra na lanterna traseira, detalhe cromado na grade, aerofólio (na carroceria sedã), tapetes de carpete e sistema multimídia Toyota Play, com áudio, bluetooth, TV digital, DVD e GPS integrado.
OS PREÇOS
ETIOS HATCH
X 1.3 16V manual: R$ 45,99 mil

X 1.3 16V automático: R$ 50,89 mil

XS 1.5 16V manual: R$ 51,19 mil

XS 1.5 16V automático: R$ 56,09 mil

Ready 1.5 16V automático: R$ 59,84 mil

XLS 1.5 16V automático: R$ 61,39 mil

Cross 1.5 16V automático: R$ 64,29 mil

Platinum 1.5 16V automático: R$ 64,99 mil
SEDÃ
X 1.5 16V manual: R$ 50,69 mil

X 1.5 16V automático: R$ 55,59 mil

XS 1.5 16V manual: R$ 53,99 mil

XS 1.5 16V automático: R$ 58,89 mil

XLS 1.5 16V automático: R$ 64,19 mil

Platinum 1.5 16V automático: R$ 68,39 mil
Fonte: Toyota

Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS