Jornais
FECHAR
  • Jornal VS
  • Diário de Canoas
  • Jornal de Gramado
  • Diário de Cachoeirinha
  • Correio de Gravataí
Grupo Sinos
Publicado em 10/10/2014 - 12h21
Última atualização em 10/10/2014 - 12h48

Yoga no trabalho

Confira três dicas de alongamento que podemos fazer em nossos ambientes do dia-a-dia

"Eu não tenho tempo para fazer yoga!". 
 
Pois aí é que você deveria fazer! Considero o tempo uma questão muito relativa. É perfeitamente possível (para não dizer necessário) tirar 15, 30 ou 60 minutos nem que seja duas vezes por semana para nos concentrarmos em nós mesmos. Ainda assim, é difícil fazer alguma atividade física ou meditativa e com a prática do yoga não é diferente. Mas com a tendência a trabalharmos sentados na frente de algum computador, acabamos passando muitas horas do dia na mesma posição. Não é absurdo afirmar que, lentamente, os músculos e articulações vão enrijecendo. 
 
Embora seja muito melhor praticar para colocar não só o corpo, mas a mente em ordem, tem algumas semanas em que é difícil! Por isso, o site do Huffington Post, divulgando o trabalho de Lauren Coles, deu três dicas de posições interessantes que podemos fazer em nossos ambientes de trabalho e que ajudam a dar aquela alongada e a diminuir o estresse.
 
As posições fazem parte do programa "De-Stress at Your Desk" (desestresse na sua escrivaninha), série de poses que usam a cadeira, a escrivaninha e a parede como acessórios úteis. 
 
Foto: Reprodução/Huffington Post
 Meio cachorro - O adho mukha svanasana, também conhecida como a posição do cachorro olhando para baixo, é velha conhecida de quem pratica yoga.
 
Esta versão da pose exige apenas que você coloque suas mãos no topo de uma mesa ou escrivaninha - ou contra a parede - e abaixe-se de forma que seu corpo fique em um "L" virado para baixo.
 
A posição alonga suas costas. Concentre-se em relaxar o espaço entre seu pescoço e seus ombros. Respire. 
 
 
 
 
Foto: Reprodução/Huffington Post
Torção sentada na cadeira
- Sente-se, mantenha seus glúteos firmes no assento, segure o descanso de braço direito com a mão esquerda e torça para seu lado direito.
 
Vá com calma para não se machucar. Se não for dolorido ou desagradável, você pode até segurar o encosto da cadeira com sua mão direita. Repita para o lado oposto, sempre respirando. 
 
 
 
 
 
 
 
Foto: Reprodução/Huffington Post
Dobra para a frente
- Levante-se e dobre-se para a frente a partir dos quadris, deixando as pernas retas. Deixe sua cabeça, braços e seu tronco soltos. Você também pode segurar seus próprios cotovelos e lentamente balançar o tronco de um lado para o outro para intensificar o alongamento.
 
Se seu corpo permitir, segure seus calcanhares, com o rosto encarando suas pernas. Levante-se devagar, primeiro a lombar, depois as costas, depois o pescoço e, por último, a cabeça. Então, relaxe seus braços ao lado do corpo e abaixe os ombros. 
 
 
 
E não esqueça: no ápice da tensão do dia, respire profundamente.