Jornais
FECHAR
  • Jornal VS
  • Diário de Canoas
  • Jornal de Gramado
  • Diário de Cachoeirinha
  • Correio de Gravataí
Grupo Sinos
Publicado em 08/02/2015 - 11h02
Última atualização em 08/02/2015 - 11h05

Inter vence o Novo Hamburgo com pênalti duvidoso no Beira-Rio

Os dois times voltam a campo na quarta-feira, às 20h30 e 22 horas

Amilton Belmonte - amilton.belmonte@gruposinos.com.br

Foto: Thiago da Rosa/GES
Não há justiça no futebol. Máxima e síntese da vitória de 1 a 0 do Inter sobre o Novo Hamburgo, ontem, no Beira-Rio. O gol foi de Alex, em pênalti duvidoso. Com isso, o Colorado, que jogou com os reservas, chegou à primeira vitória no Gauchão e o Noia amargou a primeira derrota. Os 45 minutos iniciais foram anilados, com sete chances de gol. A primeira, aos 30 segundos. Leandrão escapou pela direita e bateu em diagonal, rente ao poste. O Inter devolveu um minuto depois por Valdívia, que chutou truncado com a zaga.Aos 3min, Alex cobrou falta e Rafael catou firme. Leandrão, em nova escapada, chutou cruzado e ela passou à frente da área. Jonas, aos 7min, e Thiago Humberto, aos 12min, também tiveram chances, mas desperdiçaram. 
 
Aos 15min, a melhor oportunidade do time do Vale. Paulinho avançou pela esquerda e cruzou. Thiago Humberto, livre na pequena área, cabeceou por cima. Aos 23min, quase um replay. Paulinho cruzou e Jonas bateu mascado. O Inter revidou aos 25min. Alex cobrou falta da direita, mas Alan Costa cabeceou longe. Thiago Humberto, aos 41min, teve nova chance, mas Muriel defendeu. Como quem não faz leva, Léo arrancou pela direita e jogou para a área azul. Rafael Moura dominou milésimos de segundos antes de Fred. Porém, o suficiente para o bico da chuteira do zagueiro desequilibrar o He-Man, na opinião do árbitro Luis Teixeira Rocha. Pênalti polêmico cobrado e convertido por Alex.

No segundo tempo, o Inter voltou marcando mais e o Noia querendo o empate, com o veloz Márcio no lugar de Jonas. Aos 4min, foi ele que bateu dentro da grande área. A bola explodiu na mão esquerda de Alan Costa. O Noia queria pênalti, mas o juiz nada viu. Aos 22min, Vitinho driblou chutou em cima da zaga. No contra ataque, Lucas Crispim mandou lá no Estádio do Vale. A chance dos 2 a 0 veio aos 27min. Alex cobrou falta, Nilmar se antecipou e tocou pra fora. Aos 33min, Dê arrancou, tabelou com Magrão e livrou dois colorados. O chute, porém, saiu à esquerda. Aos 38min, o último suspiro azul. Paulinho deu uma cacetada. Muriel brilhou. Não era, enfim, a tarde anilada. 
 
O Colorado volta ao Gauchão na próxima quarta-feira. O clube vai a Gravataí, onde encara, às 22 horas o Cruzeiro, de Cachoeirinha, no Estádio Antônio Vieira Ramos, o Vieirão. Conforme o técnico Diego Aguirre, o meia atacante Anderson pode ser a principal novidade.O ex-gremista deve iniciar no banco de reservas, mas entrar durante a partida. 
 
Já o Novo Hamburgo volta às 20h30 de quarta-feira. A equipe do técnico Roger Machado volta a atuar em casa, no Estádio do Vale, e enfrenta o União Frederiquense. O atacante Paulista, destaque da Copa Metropolitana pelo Noia e que fez a pré-temporada com o Grêmio, se apresenta nesta segunda-feira ao técnico Roger.

Publicidade