Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

Vale o título

Noia e São José decidem a Recopa Gaúcha

Após escapar do rebaixamento no Gauchão, Anilado busca a redenção na temporada e o caneco da Recopa nesta quarta-feira
13/03/2018 22:12 13/03/2018 22:13

Inézio Machado/GES
Anilado encara o Zequinha no Estádio do Vale, a partir das 19h30
A tempestade passou, o clima é mais tranquilo e alegre, mas o Novo Hamburgo ainda busca se redimir com a bola e o turbulento começo de temporada em 2018. A chance de redenção após escapar do rebaixamento do Gauchão na última rodada é na noite desta quarta-feira, às 19h30, quando o Noia enfrenta o São José, no jogo de volta da Recopa Gaúcha, no Estádio do Vale. O torcedor espera uma resposta dos atletas e comissão técnica com a conquista de mais um título, que pode fechar um ciclo vitorioso iniciado em 2017 com o caneco do Estadual. O Anilado está em desvantagem, pois perdeu o primeiro jogo por 2 a 1 no Passo D’Areia, em Porto Alegre – partida que foi válida pela 3ª rodada do Campeonato Gaúcho –, e precisará vencer por dois de diferença para levantar a taça dentro de casa. Se vencer por um gol, a decisão será nas penalidades.

De acordo com o técnico Beto Campos, o Noia deve ter a mesma base de formação dos últimos jogos. O treinador considera o título da Recopa como uma premiação pelo trabalho e por toda a pressão que a equipe enfrentou nos últimos jogos do Gauchão. “É um prêmio por tudo que passamos. É uma situação positiva que tivemos aqui, apesar de todas as dificuldades que se teve nessa competição. O grupo se mostrou muito forte, unido, e só assim nós teríamos uma chance de fazer o que a gente fez. Todos sentiram muito, mas tem essa possibilidade amanhã (hoje). É um jogo com chance de título, uma outra competição, que é sempre importante para todos os profissionais”, afirmou o treinador anilado. “Não vamos medir esforços para conseguir o título. Sabemos que do outro lado temos uma equipe que faz uma bela campanha no Gauchão. Estamos atrás no placar e vamos tentar reverter”, completou.

DEVENDO
O meia e capitão Preto afirmou que o time está devendo para o torcedor, e vai a campo para buscar o resultado que interessa no tempo normal contra o Zequinha. “Jogar contra eles é sempre difícil. Eles vêm com a vantagem, então precisamos fazer o gol, que já leva para os pênaltis, e se conseguir 2 a 0, perfeito. Eles vem numa sequência muito boa, mas não sabemos como eles vão vir (time titular ou reserva), pois chegaram na fase final do Gauchão. Igual vamos ter que suar a camisa”, finalizou Preto.

Prováveis escalações

Novo Hamburgo

Michel Alves; Lito, Roberto Dias, Thiago Steffen e Assis; Tiago Ott, Preto, Juninho e Xaro; Branquinho (Jean Silva) e Ricardo Lobo. Técnico - Beto Campos. 

São José

Fábio; Marcel, Goiano, Alemão e Dudu; Pedra, Guedes, Matheusinho, Clayton (Rafinha); Márcio Jonatan e Kelvin. Técnico - Rafael Jaques.

Detalhes

Local - Estádio do Vale, em Novo Hamburgo. Horário - 19h30. Arbitragem - Anderson Farias, auxiliado por Júlio Cesar Espinoza de Freitas e Andreza Vanni Mocelin. Transmissão - Rádio ABC. 

Inézio Machado/GES
Beto Campos deve definir Série D com a direção
Tem Recopa, mas logo chega a Série D

O Campeonato Gaúcho terminou para o Noia, ainda se tem a Recopa Gaúcha nesta quarta-feira, mas em entrevista coletiva na tarde desta terça-feira no Vale, o técnico Beto Campos falou sobre a disputa da Série D do Campeonato Brasileiro. O treinador revelou que ainda não teve conversas definitivas com a direção anilada sobre a disputa do certame nacional que começa na segunda quinzena de abril. “Estávamos no final da primeira fase do Campeonato Gaúcho, onde a gente estava com toda essa dificuldade. Direção, comissão técnica e jogadores estavam voltados para sair dessa situação (escapar do rebaixamento). Sempre falamos uma situação ou outra com a direção, mas agora ainda não sentamos para fazer uma análise da competição, que teremos em torno de 40 dias até começar. Nós vamos, com certeza, conversar com a direção para definir a Série D”, destacou o treinador anilado, que possui contrato até o final da quarta divisão nacional, assim como a maioria do grupo de jogadores.

ENTRE ERROS E ACERTOS
Além disso, Beto Campos respondeu sobre os erros que o Noia cometeu durante o Campeonato Gaúcho, que culminaram na salvação anilada da Divisão de Acesso apenas na última rodada no empate com o Avenida, em Santa Cruz do Sul. “Se formos enumerar, foram várias situações, entre jogadores que se perdeu por lesões, cartões, um começo difícil com três derrotas seguidas. Sabíamos que teríamos essa sequência. Tivemos chances em casa, contra São Paulo-RG e Cruzeiro, que poderíamos ter feito vitórias, e aí sim vejo que minha equipe esteve abaixo, mas não mereceu. Mais algumas situações do dia a dia, que são normais. Ainda para terminar os últimos quatro jogos, sendo três deles fora de casa. Também o psicológico, da pressão interna e dos próprios profissionais, que são vitoriosos, mas que não estavam entendendo esse momento. Foi realmente uma situação difícil, e felizmente conseguimos manter o Novo Hamburgo na série A, que era o mínimo. Agora é momento de sentar e avaliar bem para que depois possamos fazer uma Série D forte, que também vai ser difícil pelos adversários da chave”, pontuou Beto Campos.


Jornal NH
PUBLICIDADE

WEBTV

Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS