Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Quase 6 anos de espera

Volta a parar obra de recuperação de vila no bairro Primavera

Construção de casas começou em 2012
13/03/2018 09:17 13/03/2018 09:23

Bruna Mattana/GES-Especial
Parado: famílias aguardam a construção das moradias
Quase seis anos depois, a Prefeitura de Novo Hamburgo ainda não concluiu as obras de melhoria na Vila Marcírio José Pereira, no bairro Primavera. A construção de casas previstas no local foi interrompida novamente. Elas foram lançadas em 2012, paralisadas logo depois, retomadas em agosto do ano passado – pela Construtora Henz, que venceu a nova licitação, já que a empresa anterior abandonou a obra – e tinham previsão de conclusão em junho de 2018.

O servente de pedreiro Marcelo Smerio, 43 anos, é um dos moradores que está aguardando o término das obras para ocupar uma das novas residências. “A Justiça já pediu pra gente desocupar o lugar onde estamos, pois é área pública, mas precisamos de um lugar para morar. Há três semanas as obras pararam”, disse.

A doméstica Aira Alves, 44, também é moradora do local e aguarda a moradia. “Nós conseguimos recorrer na Defensoria Pública e recebemos o prazo de seis meses para sairmos do local onde estamos. Estamos apreensivos, pois não há previsão de retomada das obras”, ressalta.

De acordo com a Secretaria da Fazenda, as obras foram interrompidas devido a problemas de repasses financeiros para a prestadora de serviços, que envolvem a troca do sistema informatizado de controle interno da Prefeitura e a disponibilidade financeira do Município. “Vale salientar que a obra estava paralisada pela gestão anterior, tendo sido retomada no ano passado pelo atual governo. Hoje, as 29 moradias estão em fase de acabamentos. A obra segue cronograma para ser finalizada ainda neste ano”, informou a secretaria, por meio da assessoria de imprensa.

Para obras de urbanização, seriam investidos R$ 1.042.580,68. E para a construção e reforma das casas, o valor seria de R$ 1.225.367,96, com recursos do governo federal e contrapartida de 5% do Município.


Jornal NH
PUBLICIDADE

WEBTV

PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS