Olá leitor, tudo bem?

Use os í­cones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, ví­deos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Brasileirão

Inter tem retornos, mas espera pelo STJD

DAlessandro e Pottker serão julgados nesta quinta-feira, enquanto Edenilson voltou a treinar
16/05/2018 20:40 16/05/2018 20:40

Ricardo Duarte/Inter
D'Alessandro e Edenilson voltaram a treinar com bola nesta quarta-feira
Embora o Inter tente demonstrar que o momento na temporada não é tão complicado, na prática não é bem assim. Há cinco jogos sem vencer e marcar gols, pelo Brasileirão e Copa do Brasil, o Colorado luta para mudar esse retrospecto. Após um clássico em que praticamente apenas se defendeu, a equipe peca na transição ofensiva, o que preocupa pelo fato de não conseguir balançar as redes. na manhã desta quarta-feira, pelo menos algumas novidades positivas, D’Alessandro e Edenilson, que se recuperavam de lesão, voltaram a trabalhar com bola já pensando no duelo contra a Chapecoense, na segunda-feira, às 20 horas, no Beira-Rio, pela 6ª rodada do campeonato nacional dos pontos corridos.

Outro jogador que pode voltar à equipe é William Pottker, que cumpriu suspensão no clássico Gre-Nal. Porém, as presenças de D’Ale e Pottker são incertas, pois nesta quinta-feira os dois serão julgados pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) pelas condutas no jogo contra o Flamengo na quarta rodada. O capitão alvi-rubro, por denúncia de agressão a Lucas Paquetá, pode pegar suspensão de 4 a 12 partidas. Já o camisa 99 será julgado pela cabeçada em Vinícius Júnior.

Posição
Caso os dois sejam absolvidos, Odair Hellmann poderá mandar a campo a seguinte escalação: Danilo Fernandes; Zeca, Moledo, Víctor Cuesta e Iago; Dourado, Edenilson, Patrick, D’Alessandro e Pottker; Leandro Damião. Com essa equipe, a única mudança seria a entrada de Zeca, que nos treinamentos ganhou a posição de Fabiano. No treino de ontem, Hellmann priorizou a parte ofensiva, num trabalho de intensidade, movimentação e triangulações. O Inter volta a treinar na manhã desta quinta-feira no CT Parque Gigante.

Vermelhas
Atual 16º colocado, com 5 pontos, o Inter pode chegar na segunda-feira contra a Chape na zona de rebaixamento do Brasileirão. Um fato que remete o Inter ao drama de 2016, quando o clube caiu pela primeira vez em sua história para a segunda divisão nacional.

Em entrevista coletiva, o volante Rodrigo Dourado falou sobre essa questão. “O que importa é o fim da rodada, do Campeonato Brasileiro. Começamos 2016 bem, fomos líderes, mas acabou como acabou. Temos de nos focar contra a Chapecoense. É na nossa casa. Precisamos voltar a vencer e, para isto, precisamos contar com o apoio da nossa torcida”, afirmou.

O Inter acertou nesta semana o empréstimo do atacante Marcinho, ex-Novo Hamburgo, para a Ponte Preta.


Jornal NH
PUBLICIDADE

WEBTV

PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS