Olá leitor, tudo bem?

Use os í­cones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, ví­deos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Cris Manfro

Saudade da mãe

"É com ela que você vai aprendendo a direção certa da vida. Siga as placas que ela sinaliza, dificilmente ela erra"
13/05/2018 06:00

Cris Manfro é psicóloga clínica, terapeuta de família e casal e mediadora familiar
acmanfro@terra.com.br

Datas do coração, que são as datas que marcam passagens de celebrações pontuais, podem ser datas cruéis e isso porque marcam também a falta. A falta do que comemorar ou a falta das pessoas. Sinto falta de abraçar fisicamente a minha mãe. Sempre soube que se sente saudade da mãe, mas confesso que não sabia que se sentia tanto. Toda mãe vem com um kit de perguntas. Eu sinto saudade dessas perguntas: “Filhinha já escovou os dentes? Já comeu? Fez teus temas? Quem é essa amiga? Com quem você vai? A que horas você volta? Você tem estudado? Trabalhado direito? Como você está?” E a principal: “Onde dói?”.

Toda mãe também vem com um kit de orientação do que você deve fazer, e, acredite, siga essas orientações, porque geralmente a bússola de mãe é infalível. Se ela disser que aquele “amigo seu” não é “trigo limpo”, que significa que ele não é boa coisa, acredite, ela tem razão. Se ela disser que aquela garota não é uma boa para você ter um relacionamento, pode saber que ela está certa. Nariz de mãe cheira longe coisa ruim ou quando algo não vai bem. Eu sinto falta dos conselhos da minha mãe. Procuro lembrar e escutar todos eles na minha mente.

No kit de mãe, tem dicas desde como você deve se portar, e começa muito cedo com ela dizendo pra você apreender a dizer obrigado, por favor, me desculpa e cumprimentar as pessoas. Mas, tem gente que, mesmo sendo “grande”, não aprende. Kit de mãe tem regras de vestimenta: “essa roupa não está boa, não serve mais”, e o tradicional “pega um casaquinho”. Mãe que é mãe está sempre preocupada que o filho vá passar frio e fome. É com ela que você vai aprendendo a direção certa da vida. Siga as placas que ela sinaliza, dificilmente ela erra. Mãe cuida quando manda você dirigir com cautela, fazer a sua revisão médica, tratar bem a sua esposa, respeitar o seu pai, os seus irmãos, parar de beber, não trabalhar demais e cuidar de você. Sinto falta do cuidado da minha mãe.

No kit de mãe tem sentimentos: de solidariedade, empatia, generosidade, proteção, cuidado e amor. Amor de mãe suporta, não desiste, não abandona, não rejeita e sente por você o maior amor do mundo. Para qualquer mãe o filho dela é o que ela desejaria para ela. Não tem venda e nem troca. Tem, sim, aceitação, luta e coragem para guerrear pelo filho. Tem parceria, cumplicidade e devoção. Dá uma saudade de olhar por trás do ombro e ver a mãe zelando por você, nem que seja no fim da vida pela sua benção, oração e pelo seu olhar, olhar de paixão por você... Ah! Como dá.


Jornal NH
PUBLICIDADE

WEBTV

PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS