Olá leitor, tudo bem?

Use os í­cones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, ví­deos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Comunidade

Cáritas da Paróquia São José distribui alimento e solidariedade

Voluntárias são coordenadas pela costureira aposentada Ales Pereira, de 54 anos
12/07/2018 07:51 12/07/2018 09:29

Bruna Mattana/GES-Especial
Dia de entrega: coordenadora Ales entrega a sopa a Cleonir com a voluntária Nirse
Na Cáritas da Paróquia São José Operário, toda terça-feira é dia de distribuir muito amor, em forma de alimento. Coordenadas pela costureira aposentada Ales Pereira, de 54 anos, cinco voluntárias preparam, com um sorriso no rosto, a sopa que será distribuída a pessoas do bairro Canudos, acompanhada de pães, frutas e verduras.

Às 15h30 começa a ser servida a sopa, na própria sede da Cáritas, como ocorreu na tarde da última terça-feira quando passaram pelo local cerca de cem pessoas. Além disso, foram entregues 45 baldes de cinco litros de sopa às famílias cadastradas.

A dona de casa Cleonir Alves da Silva, 68, levou o alimento para os dois netos. “É uma delícia. Há anos eu recebo essa doação. É uma alegria”. Ales, que está à frente do projeto há quatro anos, conta que ele existe há mais de 15. “Tem pessoas que eu sei que só terão esse balde de comida até a próxima semana. Contamos com muitas doações, de padarias, mercados, pessoas que acreditam no nosso trabalho. Isso nos motiva a seguir em frente. Só no ano passado foram 16 mil famílias beneficiadas”, ressalta Ales.

Além do sopão das terças-feiras, o espaço conta ainda com brechó, doação de roupas, oficina de padaria e confeitaria, loja de móveis usados e produção de cobertores e roupas de lã, que também são doados à comunidade.

O presidente do Conselho Econômico da Paróquia São José Operário, o motorista Sadi Miranda, 48, ressalta que o trabalho da Cáritas beneficia toda a comunidade carente de Canudos, mas também é aberta para todas as pessoas que precisam de auxílio, mesmo fora do bairro. O vigário paroquial, padre Márcio Lavratti, destaca o acompanhamento das famílias. “De três em três meses visitamos à casa das famílias”, frisa.

Gratidão de quem se doa

A dona de casa e voluntária há mais de dois anos Nirse dos Santos, 49, disse que encontrou na ação uma forma de superar a perda da mãe, realizando algo em prol do próximo. “É uma alegria que não tem preço”, pontua. A também dona de casa e voluntária há um ano e meio Juliana Sutilli, 41, conta que fazer a sopa é uma forma de dar carinho, mas também receber. “A gente vê como nosso problema é pequeno. Eu encontrei uma nova motivação de vida”, fala.

A voluntária, que atua no brechó há três anos, Rosane da Rosa, 55, ressalta que muito mais do que roupas, são distribuídas palavras de carinho. “Nós saímos daqui renovadas”, alegra-se.

Como ajudar: a Cáritas da Paróquia São José Operário está na Rua Espírito Santo, 50, bairro Canudos. Contatos: 3595-1602.


Jornal NH
PUBLICIDADE

WEBTV

PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS