Olá leitor, tudo bem?

Use os í­cones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, ví­deos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Em frente ao Fórum

Adolescente acusado de homicídio em Sapiranga é internado no Case

A execução do homem de 64 anos foi gravada pelas câmaras de segurança
14/09/2018 15:20 14/09/2018 15:30

Foto por: Reprodução/Reprodução
Descrição da foto: Adolescente atirou no padrasto em frente ao Fórum de Sapiranga
O adolescente de 17 anos que matou a tiros o ex-padrasto na tarde da última quinta-feira, em frente ao Foro de Sapiranga, teve a internação determinada pela Justiça e foi levado para a unidade do Centro de Atendimento Socioeducativo (Case) de Novo Hamburgo. Conforme o titular da Delegacia de Polícia Civil do município, Fernando Pires Branco, o jovem foi apreendido na casa onde mora, no bairro Oeste.

Segundo Branco, informalmente ele disse aos policiais que a motivação do crime foram as agressões que sua mãe sofria pelo ex-companheiro. No entanto, no momento de prestar o depoimento ele permaneceu em silêncio. A mãe do garoto foi ouvida, mas deve prestar novo depoimento à Polícia na próxima semana. A arma utilizada para cometer o homicídio, um revólver calibre 38, foi localizado em meio à mata do Parque do Imigrante. De acordo com o delegado, ele conseguiu a arma em Novo Hamburgo. 


A execução do homem de 64 anos foi gravada pelas câmaras de segurança. A vítima saía do local, acompanhado pelo advogado, após participar de uma audiência. No momento em que ia atravessar a rua, o adolescente chega e efetua os disparos. O advogado fica assustado e sai correndo, buscando abrigo dentro do prédio do Foro. Quando o homem de 64 anos cai no chão, o adolescente ainda dá mais um tiro e sai caminhando calmamente pela calçada. Ele começa a correr quando um carro passa pela Rua Alberto Schmidt, bairro Centenário, em sentido à Avenida Mauá.

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel (Samu) foi chamada, mas a vítima não resistiu aos ferimentos. O suspeito não tinha antecedentes policiais. O Jornal NH não divulga o nome dos envolvidos em respeito ao Estatuto da Criança e do Adolescente, Lei n.º 8.069.

Outro crime em frente ao Foro em 2014

Em março de 2014, situação semelhante foi registrada no município. Naquela ocasião, Ademar Vieira Lima morreu após ser baleado ao chegar para participar do Tribunal do Júri. Ele era réu em um caso de homicídio. O autor do crime, motivado por vingança, foi condenado a 16 anos de prisão em 2016.


Jornal NH
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS