Olá leitor, tudo bem?

Use os í­cones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, ví­deos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Motores
Mercado

EcoSport ganha versão sem o estepe na traseira

Configuração Titanium custa R$ 103,89 mil e conta com pneus run flat, que rodam mesmo com pressão zero
05/02/2019 16:32

Um carro à frente de seu tempo. Ainda estamos em 2019, mas o EcoSport já chegou à linha 2020 com uma novidade que havia sido antecipada no Salão do Automóvel do ano passado e que já era velha conhecida do mercado europeu: a versão sem o estepe na traseira, a Titanium, comercializada por R$ 103,89 mil. Já as configurações SE (R$ 78,99 mil com câmbio manual), FreeStyle (R$ 85,99 mil) e Storm (R$ 108,39 mil) seguem com o pneu na traseira, uma de suas marcas registradas.

Para compensar a falta do estepe, bem como do velho kit composto por macaco e chave de roda – que aliviaram em 13 kg o peso do carro –, a Titanium é equipada com pneus run flat da Michelin, ou ZP (Zero Pressure), dotados de laterais reforçadas que permitem continuar rodando mesmo se um deles perder totalmente a pressão, dentro de certos limites de distância e velocidade. Em caso de furo, o motorista é avisado pelo sistema de monitoramento de pressão e não precisa interromper a viagem, podendo fazer o conserto posteriormente.

Kit de reparos é de série


A distância máxima que podem percorrer é de 80 km a uma velocidade de 80 km/h com pressão zero. Usando o kit de reparo que acompanha o veículo, a distância é ampliada para 200 km a 80 km/h.


Modelo também recebeu nova calibragem da direção elétrica e teve suspensão e freios revisados para garantir a dirigibilidade e a economia. Motor 1.5 Ti-VCT Flex de três cilindros (137 cv com álcool e 130 cv com gasolina) é acoplado ao câmbio automático de seis marchas com “paddle shift” no volante.

Monitoramento de tráfego cruzado e ponto cego


A configuração vem de fábrica com teto solar elétrico, sete air bags, sistema de monitoramento de ponto cego e tráfego cruzado, painel “soft touch”, bancos em couro ecológico, sensor de presença para acesso inteligente e partida sem chave, central multimídia Sync 3 com tela de 8”, faróis em xenônio, luzes diurnas em LED, sensor de chuva e rodas em liga-leve aro 17”. Conforto acústico da cabine recebeu reforços.


Jornal NH

Motores

por Adair Santos
abcmotores@gruposinos.com.br

Gasolina na veia - O tricampeão de Fórmula 1 Nelson Piquet sempre alardeava que nas suas veias não corria hemoglobina, e sim gasolina. Uma anomalia genética que atinge milhões de pessoas no mundo e, pelo jeito, não tem cura. Jornalista há 15 anos, Adair Santos é um desses anormais que literalmente respiram tudo que diz respeito a veículos. Editor do caderno Motores, que circula semanalmente às quartas-feiras no Jornal NH, Jornal VS e Diário de Canoas, é apaixonado por carros, motos e aviões - ou seja, tudo o que tem motor, exceto a maquininha de obturação do dentista. Motores invade a rede - Os carros recém-lançados, aqueles protótipos bizarros que talvez nunca cheguem às ruas, dicas úteis sobre veículos e testes exclusivos. Além da versão impressa, que circula semanalmente às quartas-feiras no Jornal NH, Jornal VS e Diário de Canoas, agora as notícias sobre veículos contam com este importantíssimo espaço virtual para serem divulgadas. Não deixe de participar mandando sugestões e, quem sabe, até um flagrante fotográfico de um veículo que ainda está em fase de testes e futuramente vai ser fabricado no Brasil. Eu e minha máquina - Se você tem orgulho da sua máquina, seja ela um carro antigo ou novo, motocicleta, um triciclo ou até bicicleta, envie sua foto. Junto, informe seu nome completo e idade, cidade onde reside, telefone para contato, marca, modelo, ano de fabricação do veículo e desde quando tem ele na garagem. Mas atenção: não vale mandar só a foto do carro ou moto, você também tem que aparecer na imagem. Então, mãos à obra: passe uma cera na lataria, um gel no cabelo e faça o registro fotográfico.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS