Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Vida que segue

Grêmio quer recuperar a autoestima após a eliminação na Copa do Brasil

Tricolor já mira duelo com Cruzeiro no domingo pelo Brasileirão
05/09/2019 19:35 06/09/2019 08:24

Foto por: Lucas Uebel/Grêmio
Descrição da foto: Rômulo teve atuação ruim na vaga de Maicon, contra o Athletico, em Curitiba
O hexacampeonato da Copa do Brasil ficou mais uma vez pelo caminho para o Grêmio. Na noite de quarta-feira (4), nada deu certo para o time tricolor que foi derrotado no tempo normal por 2 a 0 - mesmo placar que teve a seu favor em Porto Alegre - e nas penalidades acabou superado por 5 a 4 pelo Athletico-PR, que vai disputar a final com o rival Inter. Após a partida, o técnico Renato Portaluppi reconheceu a péssima atuação da equipe na semifinal da competição. "Não fizemos absolutamente nada para conseguir a classificação. Não jogamos nada", disse o treinador.

O Grêmio terá pela frente uma semifinal de Copa Libertadores contra o Flamengo, mas apenas no mês de outubro e, até lá, Portaluppi tentará recuperar a autoestima dos jogadores após a partida na Arena da Baixada, em Curitiba. Além da copa continental, o clube gaúcho disputa o Brasileirão, e neste domingo (8), o Tricolor enfrenta o Cruzeiro às 11 horas, no Independência, em Belo Horizonte (MG), pela 18ª rodada do campeonato nacional. Lesionados, Maicon e Leonardo Gomes sequer viajaram com o grupo nesta quinta-feira (5).

Azuis

Contra o Furacão, o Grêmio sentiu a falta de Everton e Maicon. O atacante é a principal arma gremista, já o camisa 8, além de líder, dita o ritmo. Rômulo e Pepê não seguraram a pressão em Curitiba.

Portaluppi reconheceu as ausências. "São fundamentais no nosso esquema. O Everton levou um terceiro amarelo infantil, e o Maicon lesionou."

Jornal NH
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3553.2020 / 51 992026770
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS