Olá leitor, tudo bem?

Use os í­cones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, ví­deos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Gauchão

Nova derrota e futebol sintético no Passo D'Areia

Time alternativo do Inter tem atuação fraca e perde por 2 a 0 para o São José
27/01/2019 20:34

Foto por: Ricardo Duarte/Inter
Descrição da foto: Time colorado, de Neilton, não jogou bem e perdeu de 2 a 0 para o Zequinha
No gramado sintético do Estádio Passo D'Areia, o que pareceu artificial foi o futebol apresentado pelo Inter. É verdade que o calor de domingo (27) prejudicou bastante as equipes. Pouco antes da bola rolar a temperatura no gramado era de 50 graus e os jogadores precisaram refrescar os pés em baldes com água e gelo. Mesmo assim, o desempenho dos reservas colorados foi abaixo do esperado e o São José aproveitou para vencer por 2 a 0. Foi a segunda derrota do time de Odair Hellmann no Gauchão. Na quinta-feira passada, os titulares perderam para o Pelotas.

Marcelo Lomba, Iago, Patrick e Rafael Sobis foram os atletas com status de titulares que iniciaram a partida. Apesar da alta temperatura, o primeiro tempo foi frio e sonolento. Rafael Sobis, cobrando falta, teve a única chance para os colorados. Éverton Alemão, também de bola parada, levou perigo a Marcelo Lomba.

No segundo tempo, o Zequinha voltou mais acelerado e abriu o placar aos 9 minutos. Márcio Jonatan acertou belo chute de fora da área para fazer 1 a 0 para os donos da casa.

Enquanto os colorados seguiam sem poder de criação, o São José passava a gostar do jogo. As entradas de Tréllez, que estreou pelo Inter, e Guilherme Parede não surtiram efeito. E o segundo gol do Zequinha saiu aos 36min. Tiago Pará cobrou falta da esquerda e Tássio desviou de cabeça: 2 a 0.

Após o segundo gol, Odair mandou Sarrafiore a campo. O jovem argentino até deu um pouco mais de criação ao time, mas mesmo assim nenhum lance levou perigo ao gol defendido pelo goleiro Fábio. Com a segunda derrota seguida no Estadual e apenas três pontos conquistados em nove disputados, o sinal de alerta começa a piscar no Estádio Beira-Rio. A resposta precisa vir já nesta quarta-feira, às 19h15, contra o Veranópolis, em mais uma partida fora de casa.


O JOGO

SÃO JOSÉ 2

Fábio; Márcio Lima, Alemão (Bruno Jesus), Wágner e Dudu Mandai; Zotti (Samuel), Tássio e Rafael Tavares (Éverton Júnior); Matheuzinho, Márcio Jonatan e Tiago Pará. TÉCNICO: Rafael Jaques.

INTER 0

Marcelo Lomba; Bruno José (Guilherme Parede), Roberto, Klaus e Iago; Rithely, Rodrigo Lindoso e Patrick; Wellington Silva (Tréllez), Neilton e Rafael Sobis (Sarrafiore). TÉCNICO: Odair Hellmann.

DETALHES

Local - Estádio Passo D'Areia, em Porto Alegre. Arbitragem - Jean Pierre, auxiliado por Rafael da Silva Alves e Max Augusto Guimarães Vioni.

Vermelhas

Em seu primeiro jogo como titular nesse seu retorno ao Inter, Rafael Sobis se mostrou incomodado com a derrota e a atuação da equipe. "Não conseguimos jogar, não fizemos nada. A vitória deles foi merecida", avaliou o atacante.

"Nós precisamos evoluir em todos os aspectos. Quando se tem duas derrotas, a resposta precisa ser rápida", disse o técnico Odair Hellmann, descartando o calor como desculpa para a derrota.

Jornal NH
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS