Olá leitor, tudo bem?

Use os í­cones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, ví­deos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

Gauchão

Centroavante do Anilado quer o fim da seca de gols

Leandro Cearense está incomodado com as poucas chances para balançar a rede no Campeonato Gaúcho
07/02/2019 20:08

Foto por: Inézio Machado/GES
Descrição da foto: LEANDRO CEARENSE: camisa 9 vem sofrendo com as poucas chances de balançar a rede
Um camisa 9 nunca fica satisfeito com o seu trabalho sem balançar a rede, e com razão. No Novo Hamburgo, o centroavante Leandro Cearense busca o seu primeiro gol com a camisa anilada, mas tem sofrido pelas poucas oportunidades. Na vitória contra o Caxias, na semana passada, ele deu uma assistência para Éder Paraguai abrir o placar no Estádio do Vale, e diante do São Luiz, na última terça-feira, a cena quase se repetiu, no entanto o goleiro salvou o gol do Noia. Para o enfrentamento com o Pelotas, na segunda-feira, às 20 horas, na Boca do Lobo, pela 6ª rodada do Gauchão, Cearense espera poder contar uma história diferente na próxima entrevista.

"Está chato já. Venho treinando, trabalhando, jogando bem e me doando, mas a oportunidade não está aparecendo. Mas é continuar trabalhando, porque vai pintar a chance e vou precisar estar preparado. Estou me sentindo bem, mas sem fazer gols é complicado. Vou trabalhar muito para esse gol sair", destacou Cearense. No Campeonato Gaúcho, o Anilado marcou apenas três gols, com o volante/meia Mossoró, o volante Éder Paraguai e o zagueiro Fred.

COBRANÇA

Leandro Cearense falou ainda sobre a cobrança que o técnico Bolívar e o auxiliar Patrício tem feito em relação às finalizações. "Eles cobram muito da gente, que os companheiros nos procurem dentro da área. Como atacantes, precisamos fazer os gols, não adianta só marcar, apanhar ali de costas, como estamos fazendo o pivô, o Paulinho Simionato e eu, mas a oportunidade vai aparecer e espero que seja na próxima segunda-feira", concluiu com otimismo o centroavante.


Aniladas

O volante William Schuster vem trabalhando forte para estar à disposição do técnico Bolívar. No treino desta quinta-feira, o jogador realizou corridas na beira do gramado, e trabalhou a parte física sob orientação do preparador Márcio Vitória. Schuster teve uma lesão de grau 2 na coxa direita, e tem previsão de retorno para o duelo com o São José, no dia 17, às 17 horas, no Vale, pela 7ª rodada do Gauchão.

Já o meia Preto, que vem se recuperando de uma lesão muscular de grau 2 na panturrilha esquerda, realizou nesta tarde uma nova ressonância magnética para que o departamento médico do Noia possa avaliar sua situação. Preto afirmou estar sem dores e segue trabalhando junto aos fisioterapeutas do Anilado.

O zagueiro Eduardo Junho também deve passar por exames no tornozelo direito, e o volante Felipe Profeta segue se recuperando de lesão no adutor da coxa esquerda.

 

Jornal NH
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS