Olá leitor, tudo bem?

Use os í­cones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, ví­deos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Pecuária

Brasil suspende exportações de carne bovina à China após caso de ''vaca louca''

Segundo o Ministério, esta variação da doença ocorre de maneira espontânea e não está relacionada à ingestão de alimentos contaminados
03/06/2019 18:31 03/06/2019 18:39

Em nota oficial emitida nesta segunda (3), o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) informou que as exportações de carne bovina para a China estão suspensas, após a detecção de um caso atípico de encefalopatia espongiforme bovina (EEB), também conhecida como "vaca louca". Segundo o Ministério, esta variação da doença ocorre de maneira espontânea e não está relacionada à ingestão de alimentos contaminados. O caso ocorre em meio às negociações para ampliar as exportações ao país asiático.

O animal contaminado tinha 17 anos e já foi abatido, com todos os materiais de risco sendo incinerados preventivamente, além da identificação, localização e apreensão de produtos derivados do animal. A confirmação do caso foi notificada pelo Brasil à Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) na última sexta-feira (31), atendendo às normas internacionais.

Ainda segundo a regulamentação da OIE, não há alteração no nível de risco do país para a doença, que seguirá como "insignificante", a melhor possível para a EEB. Nos mais de 20 anos desde o início da vigilância no Brasil, foram registrados três casos de EEB atípia e nenhum caso da EEB clássica.

Jornal NH
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3553.2020 / 51 992026770
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS