Olá leitor, tudo bem?

Use os í­cones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, ví­deos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Economia

Brasil fecha 2018 com inflação de 3,75%, dentro da meta oficial

Governo Bolsonaro terá de lidar com inflação mais alta em 2019, preveem analistas
11/01/2019 10:56

O Brasil encerrou 2018 com uma inflação de 3,75%, o segundo menor valor desde 2006, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta sexta-feira (11). O índice ficou ligeiramente acima das previsões de mercado (3,69%) coletadas no último levantamento do Banco Central (Boletim Focus) e abaixo do centro da meta oficial, que no ano passado foi de 4,5% – com uma margem de tolerância de 1,5 ponto percentual para cima ou para baixo.

O índice de 2018 foi influenciado principalmente pelos gastos com produtos e serviços dos grupos Habitação (+ 4,72%), Transportes (4,19%), Alimentação (4,04%).

Os dados devem servir ao novo governo de Jair Bolsonaro para manter seu tom otimista em relação à economia, depois de prometer um plano abrangente para o ajuste fiscal e as privatizações liderado por Paulo Guedes. Também deve afastar a possibilidade de um aumento na taxa básica de juros, que está em seu mínimo histórico de 6,5% desde março.

Segundo a série histórica do IBGE, é a segunda menor inflação anual desde 2006 (3,14%).

A inflação em 2018 foi 0,8 ponto percentual maior que a de 2017 (2,95%), que perfurou o piso da meta com o menor valor em duas décadas, após dois anos de profunda recessão com altas taxas de inflação (10,67% em 2015 e 6,29% em 2016).

A inflação em dezembro de 2018 foi de 0,15%, segundo o IBGE, principalmente devido à influência da categoria Alimentos e Bebidas, que registrou aumento de 0,44%.


Jornal NH
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS