Publicidade
Acompanhe:
NH Hoje
Notícias | Região Latrocínio

Polícia tem o possível rumo dos assaltantes de relojoaria de Estância Velha

Carro abandonado com motor ligado e celular na BR-116 foi periciado na quinta-feira

Por Silvio Milani
Última atualização: 12.04.2019 às 13:14

Foto por: JUAREZ MACHADO/GES
Descrição da foto: DESPEDIDA: Luís Fernando e Leomar Canova foram enterrados ontem em Estância Velha
Não são só as imagens dos assaltantes que a Polícia tem para desvendar o latrocínio do comerciante Leomar Jacó Canova, 59 anos, e do filho Luís Fernando Canova, 35, na relojoaria da família, no Centro de Estância Velha, na manhã de quarta. Um Focus abandonado em rua lateral da BR-116, em São Leopoldo, conforme revelado nesta quinta-feira (11) pelo Jornal NH, pode indicar para onde foram os criminosos.

Três homens desceram do automóvel. Imagens mostram que pelo menos um foi a pé em direção ao Centro, pela passarela mais próxima. A Polícia examina outras câmeras de vigilância na área.

O Focus prata ano 2003 é roubado e estava com placas clonadas. Foi abandonado com o motor ligado e um celular no banco traseiro, às 11h10, aproximadamente duas horas após o latrocínio. Recolhido pela Polícia Rodoviária Federal até a 1ª Delegacia de Polícia de São Leopoldo, o automóvel foi periciado ontem. Impressões digitais e outros possíveis vestígios deixados pelos criminosos foram coletados. O aparelho de telefone apreendido também é examinado.

A camisa

Mesmo que as primeiras imagens na rodovia não permitam identificar com precisão os rostos, apontam que o pedestre da passarela usava camisa rosa, parecida com a do assaltante que mais aparece na relojoaria. Como a área central é repleta de câmeras, novos vídeos podem surgir para desvendar o rumo dos suspeitos. Os outros dois seriam o de camisa escura que também atacou as vítimas e o comparsa que ficou aguardando em um Honda City roubado, abandonado na Rua Ceará, bairro Rincão, em Novo Hamburgo.

Emoção, dor e boas lembranças

Familiares, amigos e clientes se uniram na manhã de ontem para a despedida de Leomar e Luís Fernando. Sob o sol do meio-dia, deram o último adeus aos comerciantes que tinham fama de ter bom coração. Nas rodas de conversa durante o velório, o que mais se ouvia eram histórias de clientes que se tornaram amigos, por conta do cuidado e carinho da família em atender aos pedidos. “Eu queria casar, mas não tinha dinheiro para as alianças. Então minha mãe foi falar com eles e parcelaram em muitas vezes, para que a gente pudesse pagar. Eu nunca vou me esquecer”, contou uma mulher que preferiu não ser identificada.

A família era natural de Três Passos e Tenente Portela, no Noroeste do Estado, e há 20 anos se mudou para Estância Velha. Leomar deixa a esposa, Elaine Canova, 54, e o filho Leonardo Canova, 25. Já Luís Fernando, o Nando, deixa a esposa, Graziela Soares Farias, e a filha, Djulia Canova, de 8 anos. Pai e filho foram sepultados lado a lado, no Cemitério Municipal de Estância Velha.

Despreocupação com a imagem intriga agentes

Foto por: Polícia Civil / Divulgação
Descrição da foto: Polícia Civil divulgou fotos de criminosos que atacaram relojoaria em Estância Velha
Um fato que intriga os investigadores é a despreocupação dos assaltantes com a imagem. Criminosos experientes estudam o local que vão atacar. Quando percebem que há câmeras, costumam cobrir o rosto. “Eles só usaram óculos escuros para disfarçar”, comenta o delegado Clóvis Nei da Silva, que responde por Estância Velha. Uma possibilidade é que os bandidos sejam de longe. “Não descartamos essa possibilidade, mas ainda há várias questões para checarmos. Com a divulgação das imagens, vêm chegando muitas informações.”

O delegado frisa que o trabalho inicial é voltado para identificar os dois homens que são vistos cometendo o latrocínio. “E depois, se por ventura houver a confirmação da participação de outras pessoas, incluí-las no inquérito”, acrescenta. Ele observa ainda que depoimentos começaram a ser tomados na manhã do crime. “Estamos trabalhando de forma incessante”, destaca.

Denuncie

A Polícia Civil divulgou ontem novas imagens dos dois assaltantes que mataram pai e filho na relojoaria da família. Informações sobre os assassinos podem ser repassadas pelo (51) 3561-1110.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.