Olá leitor, tudo bem?

Use os í­cones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, ví­deos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Jornal NH, 99 - Bairro Ideal - Novo Hamburgo/RS - CEP: 93334-350
Fones: (51) 3065.4000 (51) 3594.0444 - Fax: (51) 3594.0448

PUBLICIDADE
Noroeste do RS

Encontrado corpo em área de buscas a bando que atacou banco em Porto Xavier

Cerco aos criminosos se encerrou na última sexta-feira
07/05/2019 14:05 07/05/2019 14:07

A Secretaria de Segurança Pública (SSP) divulgou no início da tarde desta terça-feira (7) que um corpo foi encontrado na área onde foi feito um cerco policial para capturar os criminosos que atacaram a agência do Banco do Brasil de Porto Xavier, no Noroeste, no dia 24 de abril. No local, também foram encontrados uma mochila e um fuzil, mesmo armamento usado pelo grupo no ataque. 

O corpo, ainda não identificado, estava a cerca de 200 metros da mata, na localidade de Linha 1º de Março, no limite entre Campina das Missões e Porto Lucena. Desde o início das buscas aos criminosos, havia suspeita de que um deles poderia estar morto. Em um dos confrontos, o soldado da BM Fabiano Heck Lunkes, 34 anos, foi morto. Em uma segunda troca de tiros, um criminoso também foi morto. Outros quatro foram presos.

A busca pelos assaltantes em meio a mata se encerrou na última sexta-feira (3). O cerco aos criminosos durou 10 dias e chegou a envolver 150 policiais entre civis e militares. Um helicóptero também foi utilizado nas buscas. 


Imagens de dois procurados

Ontem, a Polícia Civil havia divulgado imagens de Ezequiel David Trindade, 30 anos, e Aguilar de Mattos, 43 anos, ambos suspeitos de terem participado do assalto e que estão foragidos. 

Ezequiel seria o autor do disparo que vitimou o policial militar Fabiano Heck Lunkes. Ele é natural de Erechim e, atualmente, estaria morando em Passo Fundo. Mattos é natural de Porto Lucena e morava na Região Metropolitana. O segundo não teria participado ativamente da morte do soldado Lunkes.

Ainda de acordo com o delegado, já foram expedidos mandados de prisão preventiva contra os suspeitos. Para a Polícia, existe a possibilidade dos criminosos terem fugido para outro Estado.

 

Ezequiel David Trindade: suspeito de ter matado policial

Luciano Aguilar de Mattos: suspeito de participar do roubo

Jornal NH
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3553.2020 / 51 992026770
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS