Publicidade
Botão de Assistente virtual
Cotidiano | ABC Pra Você | Decoração Guarnições de portas e janelas

Batentes e guarnições: acabamentos que conferem charme ao décor residencial

Também conhecidos como molduras, são instalados ao redor da porta ou janela e servem para encobrir o encontro entre a parede e o batente, propiciando melhor acabamento ao conjunto

Publicado em: 29.11.2021 às 06:00

O processo de construir ou reformar demanda muita atenção para cada um dos detalhes - muitos deles perceptíveis, e outros notados apenas em função de sua ausência. E não estamos nos referindo apenas aos elementos mais expressivos, como o sofá ou a paleta de cores adotada no décor. O cuidado e a busca pela harmonia acompanham o time de acabamentos que muitos classificam como invisíveis. Este é o caso das guarnições.

Batentes de portas

Também conhecidas como molduras, são instaladas ao redor da porta ou janela e servem para encobrir o encontro entre a parede e o batente, propiciando melhor acabamento ao conjunto. Ainda em suas atribuições, ajudam a ocultar possíveis assimetrias entre a alvenaria e a porta. "Além disso, cumprem uma função estética e oferecem a possibilidade de um visual diferenciado para a porta ou janela quando investimos em peças coloridas ou em diferentes materiais. Nem sempre precisamos utilizar a tradicional guarnição em madeira, semelhante à cor e estilo da porta", conta a arquiteta Monike Lafuente, sócia de Claudia Yamada no escritório Studio Tan-gram.

Em primeiro lugar, é importante saber que, apesar da grande variedade de modelos e larguras de guarnições, cada uma se molda melhor a um tipo de porta. Por isso, é recomendado pesquisar sobre a durabilidade de cada material, além de definir cores que se harmonizem ao ambiente. Para a compra, o caminho indicado é ter as dimensões da parede e esquadrias, além da palavra final de um especialista.

Guarnições mais largas ficam melhores em ambientes mais amplos, enquanto, em situação oposta, recomendam-se as versões mais estreitas. "Porém, tudo isso depende da intenção dos moradores. Quando a vontade é evidenciar a porta e fazer dela uma protagonista no espaço, é possível ousar mais nas cores e até mesmo no material escolhido. Quando a intenção é que a porta se mimetize no local, costumamos aplicar guarnições da mesma cor", explica Claudia.

O tamanho ideal varia de projeto para projeto, mas fica entre 5 cm e 7 cm. "A definição é feita com base no desejo de evidenciar ou não a porta", explica Claudia. Sobre a altura, é necessário observar a metragem exata dos cômodos para que a instalação não aparente desproporcionalidade.

Evite problemas futuros

Para a instalação, é relevante considerar alguns fatores que evitarão problemas no futuro. Em primeiro lugar, as paredes não devem apresentar rachaduras, infiltrações ou umidade.

Caso contrário, a instalação se torna mais difícil e as chances de a peça ser danificada com o tempo é muito maior. Para fixar as guarnições, é indispensável o uso de pregos de aço sem cabeça ou colas específicas.

Por fim, Monike adverte quanto à necessidade de contar com mão de obra qualificada para a colocação das guarnições, uma vez que durante o processo é possível que o material demanda ajustes ou cortes para a obtenção da simetria perfeita, além de ajustes com o piso existente, ou novo que foi colocado.

Madeira, PVC e MDF entre as opções

No que se refere aos materiais, a madeira foi, sem dúvidas, um dos acabamentos mais usuais no passado.

Porém, quando pensamos em itens mais resistentes, duráveis e seguros - principalmente para áreas externas ou molhadas, como o banheiro -, é possível encontrar guarnições produzidas em alumínio e PVC.

Uma outra proposta é adotar as guarnições produzidas em MDF, que assumem uma função mais decorativa e podem ser pintadas até mesmo com laca.


Quer receber notícias como esta e muitas outras diretamente em seu e-mail? Clique aqui e inscreva-se gratuitamente na nossa newsletter.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.