Publicidade
Esportes Em Córdoba

Na Argentina: Conmebol confirma decisão da Sul-Americana em janeiro de 2021

A decisão foi anunciada após uma reunião realizada nesta segunda-feira entre Alejandro Domínguez e Chiqui Tapia

Por Estadão Conteúdo
Publicado em: 10.11.2020 às 09:25 Última atualização: 10.11.2020 às 09:26

A Conmebol confirmou nesta segunda-feira (9) a nova data para a disputa da final da Copa Sul-Americana. A decisão do torneio sul-americano, em jogo único, foi remarcada para 23 de janeiro de 2021, sendo mantida no Estádio Mario Alberto Kempes, em Córdoba, na Argentina.

A decisão foi anunciada após uma reunião realizada nesta segunda-feira entre Alejandro Domínguez e Chiqui Tapia, os presidentes de Conmebol e da Associação de Futebol Argentino, respectivamente.

A Sul-Americana teve a sua primeira decisão em jogo único disputado na edição de 2019. Naquela oportunidade, em 9 de novembro, a taça ficou com Independiente del Valle após derrotar o Colón, em Assunção.

Inicialmente, a final da Sul-Americana de 2020 estava marcada para 7 de novembro, algo que se tornou inviável com a paralisação do torneio por causa da pandemia do coronavírus - a competição ainda vai iniciar as oitavas de final.

O futebol brasileiro, aliás, terá dois representantes na próxima etapa. Em duelos contra times da Argentina, o Bahia terá pela frente o Unión, de Santa Fe, enquanto o Vasco vai encarar o Defensa y Justicia. Se avançarem, se encontrarão nas quartas de final.

Segue, porém, a indefinição sobre a nova data da finalíssima da Copa Libertadores, agendada previamente para o Maracanã, em 21 de novembro. Mas a tendência é que ela ocorra em 30 de janeiro, pois essa foi uma das datas reservadas pela Conmebol, que também havia selecionado os dias 23 e 24 do primeiro mês de 2021.


Receba notícias diretamente em seu e-mail! Clique aqui e inscreva-se gratuitamente na nossa newsletter.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.