Publicidade
Notícias | Especial Coronavírus Coronavírus

Parceria no Vale do Taquari usará máscaras de mergulho no tratamento de pacientes com Covid-19

Ideia está sendo desenvolvida por engenheiros, em parceria com a Unisc e o Hospital de Santa Cruz do Sul. Instituições médicas da cidade receberão 50 máscaras adaptadas

Última atualização: 02.04.2020 às 12:51

Teste com máscara Foto: Divulgação

Uma ideia, que surgiu na Itália, está sendo desenvolvida no Brasil a fim de facilitar as demandas encontradas no combate ao coronavírus. Um grupo de engenheiros  da empresa Owntec, em parceria com a Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc), o Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer e o Hospital da cidade do Vale do Taquari, vão adaptar máscaras de mergulho, utilizadas, especialmente, na prática de snorkeling, serão adaptadas para encaixe em respiradores artificiais e usadas no tratamento de pacientes com a Covid-19. 

Conforme a Folha de S.Paulo, os equipamentos devem receber uma válvula produzidas em impressoras 3D para fazer o elo da máscara com o aparelho de oxigênios. O protótipo aqui do Brasil deverá ter algumas diferenças com relação ao italiano. "No nosso conceito, a entrada de oxigênio e medição de pressão serão próximos à região da boca e, por cima, terá uma saída com filtro para não contaminar o ambiente", explicou Luiz Barbieri, 33 anos, CEO da empresa Owntec. "No modelo italiano, todas as entradas e saídas são por cima", afirmou.

Na Itália, a região da Lombardia vem sofrendo com a falta de equipamentos e insumos médicos, escassez que motivou o médico Renato Favero a ter a ideia de buscar uma peça que pudesse fazer tal adaptação das máscaras. Já aqui no Brasil, a preocupação com essa possível carência do sistema de saúde foi o que motivou a união de empresas e universidades. "A ideia surgiu quando um grupo de pessoas verificou que no hospital da cidade quais seriam as necessidades que poderiam ser resolvidas em um curto espaço de tempo", disse Andréa Lúcia Gonçalves da Silva, fisioterapeuta do Hospital de Santa Cruz do Sul, cidade que não tem nenhum caso confirmado de coronavírus.

Ao todo, instituições médicas da cidade vão receber 50 máscaras adaptadas, que foram doadas pela Decathlon. Inicialmente, a Owntec havia comprado 110 peças, mas a varejista de artigos esportivos cancelou todas as vendas  após decidir doar os equipamentos, a exemplo da filial italiana, que cedeu 10 mil máscaras.


Receba notícias diretamente em seu e-mail! Clique aqui e inscreva-se gratuitamente na nossa newsletter.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.