Publicidade
Notícias | Novo Hamburgo Pandemia

Empresário do bairro Canudos morre de Covid-19; óbitos chegam a 18 em Novo Hamburgo

Em nove dias, Município teve sete óbitos pela doença causada pelo novo coronavírus

Última atualização: 28.06.2020 às 12:17

Com a morte do empresário do bairro Canudos, João Valderi, Novo Hamburgo chega a 18 óbitos por Covid-19. A morte de Valderi, de 61 anos, foi informada pela família na madrugada deste domingo (28). No Facebook, na tarde de ontem, familiares disseram que ele havia sido internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) "devido complicações causadas pela Covid". O proprietário de jornal semanal do bairro deixa esposa e filhos.

Com mais esta morte, o Município registra sete óbitos em nove dias.



Ao meio-dia deste domingo, a assessoria de imprensa da Prefeitura confirmou que Valderi estava com Covid. Os novos números da doença serão divulgados somente nesta segunda-feira. A assessoria de imprensa da Fundação de Saúde Pública de Novo Hamburgo (FSNH) confirma que Valderi estava internado na UTI do Hospital Municipal.

625 casos confirmados

O último boletim dos casos da Covid-19, divulgado na sexta-feira (26), mostram que a cidade já confirmou 625 infectados, 27 novos somente na sexta. Ao todo, foram feitos 3.947 exames da doença. O número de recuperados é de 309, em acompanhamento, 299. Até a data, a Prefeitura havia confirmado 17 mortes.

A 17ª morte de morador de Novo Hamburgo, foi de idoso, de 71 anos, que residia no bairro Jardim Mauá e tinha doenças pré-existentes. Ele faleceu no Hospital Municipal no dia 24 e o resultado positivo para Covid foi recebido na sexta-feira, depois de testagem pelo método PCR.


Quer receber notícias como esta e muitas outras diretamente em seu e-mail? Clique aqui e inscreva-se gratuitamente na nossa newsletter.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.