Publicidade
Notícias | País Manifestações

Em áudio, Bolsonaro pede que caminhoneiros liberem as estradas

Presidente diz na gravação que "bloqueios atrapalham a economia"; categoria está mobilizada para esta quinta

Publicado em: 08.09.2021 às 23:21

Circula em grupos de caminhoneiros de todo o País um áudio do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) pedindo que a categoria libere o trânsito nas estradas. Há mobilização em pelo menos 15 Estados brasileiros. A situação mais grave é em Santa Catarina, onde cidades como Joinville já enfrentam desabastecimento de combustível. No Rio Grande do Sul há concentração de caminhoneiros inclusive nos Vales do Caí, Sinos e Paranhana, mas sem bloqueio nas rodovias.

A mensagem de Bolsonaro é da noite desta quarta-feira (8) e o Palácio do Planalto confirma a autenticidade do áudio. O recado vem depois de o caminhoneiro conhecido como Zé Trovão divulgar vídeo convocando a categoria para bloquear estradas pelo País nesta quinta-feira (9). A orientação era para barrar até mesmo a passagem de veículos de passeio.

Atos em apoio do presidente Jair Bolsonaro em Brasília - 7 de Setembro Foto: Marcos Corrêa/PR

Na mensagem endereçada aos caminhoneiros, Bolsonaro diz que a ação "atrapalha a economia" e "prejudica todo mundo, em especial, os mais pobres".

"Fala para os caminhoneiros aí que são nossos aliados, mas esses bloqueios atrapalham a nossa economia. Isso provoca desabastecimento, inflação e prejudica todo mundo, em especial os mais pobres. Então, dá um toque no caras aí, se for possível, para liberar, tá ok?", pediu o presidente.

Ele continuou, dizendo que a medida é para "a gente seguir a normalidade". "Deixa com a gente em Brasília aqui e agora. Mas não é fácil negociar e conversar por aqui com autoridades. Não é fácil. Mas a gente vai fazer a nossa parte aqui e vamos buscar uma solução para isso, tá ok? E aproveita, em meu nome, dá um abraço em todos os caminhoneiros. Valeu", finaliza Bolsonaro.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.