Publicidade
Acompanhe:
NH Hoje
Notícias | Região Novo Hamburgo

Guardas são investigados por suposta agressão a skatista

Homem teria levado tapas, socos e pontapés de um agente

Por Débora Ertel
Última atualização: 09.07.2019 às 08:44

Terminou na delegacia uma abordagem da Guarda Municipal a um homem que andava de skate na Praça do Imigrante na noite de terça-feira da semana passada, dia 2 de julho. O skatista teria sido agredido a tapas, socos e pontapés por um agente. A Prefeitura informa que vai apurar a denúncia.

Depois de ser advertido duas vezes de que não deveria praticar o esporte na Praça do Imigrante, o técnico em telefonia Alberto Andelieri, 30 anos, diz que decidiu colocar a prancha embaixo do braço e retornar para casa. Enquanto caminhava pela Rua Marcílio Dias, os dois agentes seguiram o skatista com a viatura e um deles teria o derrubado no chão.

De acordo com a vítima, ele levou uma joelhada no lado esquerdo do corpo, outra no mesmo lado da cabeça e três chutes no rosto, que atingiram a testa, e tapas na cabeça. "Daí ele me levantou e me colocou com as mãos na parede, quando fui agredido também com chutes nas pernas", relata.

Exame

Conforme o skatista, depois de ser revistado, o guarda quis recolher seu skate, o que ele não permitiu. Então foi algemado, colocado dentro da viatura e levado para a Delegacia de Polícia Civil de Pronto Atendimento (DPPA). "Lá não me fizeram nenhuma pergunta, ouviram apenas o guarda que me agrediu. Me senti coagido de falar e de fazer o exame de corpo de delito por conta das ameaças de ser acusado de desacato, resistência e agressão que me fizeram", conta. No dia seguinte à agressão, a vítima retornou à DPPA e registrou um novo boletim de ocorrência, sendo solicitado exame de corpo delito.

Lei não permite andar em praças e calçadas

O técnico em telefonia disse ter consciência de que a praça não é o local ideal para praticar o esporte. No entanto, destaca que não há placas proibindo a prática. Além disso, ele denuncia as péssimas condições da pista localizada na Avenida Nicolau Becker. Com pouca iluminação, à noite o local costuma ser endereço de assaltos. A pista também apresenta problemas estruturais, com buracos e rachaduras.

Conforme a assessoria de imprensa da Administração Municipal, a lei municipal nº 82 de 1984, no seu artigo 5º, não permite nas vias destinadas a pedestres o uso de patins, patinetes, skates, bicicletas, motos e veículos de qualquer natureza. A assessoria informa que no município existem três locais específicos para a prática do esporte, a Praça CEU, no bairro Boa Saúde, a Praça da Juventude, no bairro Santo Afonso, e a Praça Pedro Alles, na Avenida Nicolau Becker. A Secretaria de Esporte e Lazer afirma estar ciente da situação e em breve realizará a manutenção do local.

A Prefeitura ainda ressalta que a Secretaria Municipal de Esporte e Lazer coloca-se à disposição para conversar com os praticantes do esporte, por meio do telefone (51) 3595-1121.

"Respeito ao cidadão"

Conforme a assessoria de imprensa da Prefeitura, assim que a Secretaria Municipal de Segurança soube do ocorrido determinou que fossem apurados os fatos com uma abertura de procedimento administrativo. Ainda segundo a assessoria, a Guarda Municipal pauta suas ações pelo respeito ao cidadão, não compactuando com desvios de conduta.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.