Publicidade
Notícias | Região São Leopoldo

'Eu fui em cima. Por pouco não me atropelou', conta mãe que teve filha levada em assalto

Criminoso roubou o carro, e menina de 1 ano e cinco meses estava dentro do veículo

Última atualização: 20.10.2019 às 21:34

Mais aliviados, pais e filha seguiram para a residência em Portão Foto: Jean Peixoto/GES-Especial

Mais aliviados após o desfecho do roubo do carro com a filha de 1 ano e cinco meses dentro, o bombeiro Denilson da Silva Oliveira e a esposa Viviane Lima Oliveira saíram da Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) de São Leopoldo pouco depois das 17 horas com a pequena no colo rumo à residência. Pouco antes, ela havia prestado depoimento e a filha passado por avaliação médica.

Ainda abalada, Viviane contou que tentou lutar com o ladrão. Ela disse que trabalha na escola, local onde ocorreu o roubo, e estava com o carro aberto na porta, chegando para abrir o portão, quando ocorreu a abordagem criminosa. "Eu fui em cima dele. Tentei tomar a chave e ele me empurrou. Por pouco, não me atropelou", relatou, gritando ainda que havia uma criança lá dentro.

Com a mão direita enfaixada, Denilson se feriu quando soube da ocorrência. Ele caiu de moto quando vinha desesperado de Portão, cidade onde trabalha, a São Leopoldo. Mais tranquilo, o bombeiro contou que só queria ir pra casa com a família. 


Receba notícias diretamente em seu e-mail! Clique aqui e inscreva-se gratuitamente na nossa newsletter.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.