Publicidade
Notícias | Região Corpus Christi

Feriadão causa congestionamento de aeronaves em Canela

Movimento é considerado um dos maiores dos últimos anos no aeroporto da cidade

Por Mônica Pereira
Publicado em: 06.06.2021 às 13:20 Última atualização: 06.06.2021 às 22:00

Com movimento, algumas aeronaves precisaram estacionar em outras cidades como Caxias e Porto Alegre Foto: Divulgação
O feriadão de Corpus Christi foi de intensa movimentação na região. Muitas pessoas optaram por chegar na Serra de avião e isso causou congestionamento no aeroporto de Canela. Por falta de espaço no pátio para estacionar, algumas aeronaves precisaram deixar os passageiros e se deslocar para outras cidades – como Caxias do Sul e Porto Alegre.

De acordo com o instrutor de voo Lucas Beckert, aproximadamente 35 jatos e aviões executivos pousaram e decolaram no aeroporto, desde a quinta-feira (3). Na manhã deste domingo (6), cerca de dez aeronaves ainda estavam no local.

O proprietário da Tri Táxi Aéreo, Tiago Esmeraldino, afirma que a grande movimentação em Canela está se repetindo há quatro semanas, porém este feriado é considerado o melhor em sete anos. Tiago ressalta que a movimentação é superior a do Festival de Cinema – antes da pandemia. “Temos um movimento absurdo por causa das festas e eventos, mas este feriado foi bem maior”, frisa.

De acordo com ele, esse é mais um sinal da retomada da economia e do turismo. “Como as pessoas não estão podendo viajar para países como Argentina, Chile e Uruguai, com seu jato particular, estão conhecendo o País. A região, por ser um destino turístico, está absorvendo essa demanda”, comenta Tiago. 

O empresário destaca que a alta procura deve ser semelhante no próximo final de semana com a comemoração do Dia dos Namorados. “Com o charme de Gramado e Canela e opções de alto padrão, a região está atraindo esse público com maior poder aquisitivo”, completa.

Mais restrições

Desde o sábado (5), os municípios da Serra estão com regras mais restritivas devido ao segundo Alerta emitido pelo governo estadual. O prefeito em exercício de Canela, Gilberto Cezar, aponta que é preciso manter os cuidados.

“Precisamos que a economia funcione dentro dos protocolos e isso exige a cooperação de todos, setor público e privado. Eu discordo em alguns pontos da decisão regional, mas enquanto cidade participante temos obrigação de cumprir, assim como Gramado e Nova Petrópolis. Temos que manter os cuidados para não ter que fechar tudo mais uma vez por imposição do Estado. A economia precisa funcionar e a vacinação precisa acelerar”, reforça Gilberto Cezar.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.