Publicidade
Notícias | Região CAMPO BOM

Air Liquide afirma que válvula do oxigênio do Hospital Lauro Reus estava fechada

Empresa emitiu nota sobre o alarme que soou na emergência do hospital na manhã desta segunda-feira

Por Matheus Chaparini
Publicado em: 07.06.2021 às 15:18 Última atualização: 07.06.2021 às 15:23

Na manhã desta segunda-feira (7), um alarme soou na emergência do Hospital Lauro Reus. O alerta teria indicado queda na pressão do sistema de distribuição de oxigênio. De acordo com a empresa, o alerta foi causado pois a válvula tanque de oxigênio teria sido fechada indevidamente e o abastecimento, transferido para os cilindros de reserva.

A Air Liquide se manifestou por meio de nota no início da tarde. O texto aponta ainda que as câmeras posicionadas diante do tanque de oxigênio não estão funcionando.

Confira a íntegra da nota

“Na manhã desta segunda-feira, 7 de junho de 2021, a Air Liquide foi acionada pelo time de manutenção do Hospital Lauro Reus para verificar a queda na pressão do sistema de distribuição de oxigênio.

A Air Liquide atendeu prontamente ao chamado e, ao chegar no Hospital, constatou que a válvula do tanque de oxigênio estava indevidamente fechada e o abastecimento sendo feito pelos cilindros da central backup, que estavam integralmente disponíveis. A empresa desconhece os motivos pelos quais se deu o fechamento da válvula do tanque.

O técnico da Air Liquide procedeu à reabertura da válvula e o abastecimento do Hospital voltou a ser feito pelo tanque de oxigênio. Foi feita ainda a reposição dos cilindros da central backup utilizados enquanto a mesma esteve acionada. Em nenhum momento o Hospital ficou sem oxigênio.

Durante o atendimento da Air Liquide, constatou-se também que as câmeras posicionadas diante do tanque de oxigênio continuavam não funcionando, o que foi confirmado pelo responsável pela manutenção do Hospital Lauro Reus. Esse monitoramento, bem como a gestão do suprimento de oxigênio, cabem à unidade hospitalar.

A nova equipe que cuida da manutenção do Hospital, inclusive, já recebeu treinamento da Air Liquide sobre como proceder em situações de emergência. A empresa reitera que a ocorrência foi prontamente atendida e que não houve desabastecimento de oxigênio na unidade.

A segurança e o bem-estar dos pacientes, clientes e funcionários é uma prioridade absoluta para a Air Liquide.

Air Liquide Brasil”

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.