Clínica oferece tratamento amplo para vencer a dor

A Plural Centro de Tratamento da Dor, que acaba de inaugurar sua unidade em Novo Hamburgo, atua com uma equipe multidisciplinar composta por profissionais de diferentes áreas

Após quatro anos aberta na cidade de São Leopoldo, a clínica de saúde Plural Centro de Tratamento da Dor mudou de endereço e, desde a última semana, está atendendo ao público em Novo Hamburgo, na rua Waldemar Geib,nº 56, bem próximo ao novo Hospital Unimed Vale do Sinos.

Com um espaço mais amplo e moderno, a Plural avança em sua proposta pioneira de atuação multidisciplinar voltada ao estudo, diagnóstico e alívio da dor, que é considerada o principal sintoma do corpo humano, estando relacionada ao diagnóstico de várias doenças.

De acordo com o idealizador da Plural, o neurocirurgião Leandro Infantini Dini, a clínica foi criada depois que um grupo de especialistas percebeu uma lacuna entre os tratamentos conservadores convencionais e as cirurgias de alta complexidade. “Um grande número de pacientes tinha que procurar por médicos diferentes, em locais diversos e sem que esses profissionais conversassem entre si, frustrando a expectativa de melhora.

Então, formamos uma equipe que passou a se especializar e a buscar certificações na área de atuaçao em dor. Assim, foi aberta a clínica Plural em São Leopoldo, com a meta de criar uma nova unidade em Novo Hamburgo, planejada e apropriada para as necessidades desses pacientes”, relata o médico.

A proposta da empresa, aponta Dr. Leandro, está alinhada a modelos de excelência praticados em outros estados e países. Na Plural, todos os profissionais envolvidos estão alocados no mesmo ambiente, incluindo especialistas em áreas cirúrgicas e clínicas, fisioterapia, psicologia e nutrição. Isso permite uma abordagem multimodal para a dor. “Nosso grupo conta com modernos recursos tecnológicos para diagnóstico e tratamento, como máquina de terapia de ondas de choque, ultrassonografia especializada e aparelho de estimulação magnética transcraniana, uma tecnologia não invasiva e moderna para diversos problemas de difícil tratamento. Também há a sala de procedimentos ambulatoriais para intervencão ecoguiada em situações de dor aguda e crônica”, informa.

Além de Dr. Leandro, também fazem parte da equipe médica da Plural a radiologista Simone Afonso Dini, o neurocirurgião Eduardo Mello Rodrigues e a ortopedista e traumatologista Rosana Fontana. São profissionais com larga experiência em realizar os tratamentos cirúrgicos de maior complexidade, quando há necessidade.

Enfrentamento da dor requer atenção ao físico e ao emocional

Clínica conta com tecnologia de ponta: máquina de terapia de ondas de choque, ultrassonografia especializada e aparelho de estimulação magnética transcraniana Foto: Divulgação
Os médicos Eduardo e Rosana explicam que conceitualmente a dor é uma sensação física e emocional desagradável relacionada à lesão de tecido real ou potencial. Situações de dor aguda indicam sintomas de algum problema maior e também podem ser consequências de doenças maltradas. “Se persistir por mais três meses, já pode ser considerada como uma doença crônica”, afirmam. Segundo a equipe, muitas vezes a dor ultrapassa a função de sintoma para ela própria exercer a função de doença. “Alguns exemplos são a enxaqueca crônica, fibromialgia, dores crônicas da coluna e neuralgia.”

O grupo reforça a importância de uma clínica especializada em dor e de uma abordagem multidisplinar, pois, dependendo do caso, existe a necessidade de um tratamento mais amplo que inclui, por exemplo, o suporte emocional. “O paciente precisa receber apoio psicológico, porque a dor pode levar à depressão e vice-versa.”

Devido a esse aspecto mais abrangente no tratamento da dor, também são aplicáveis os suportes de especialistas em fisioterapia e nutrição.

SAIBA MAIS

Um diferencial da Plural é o pioneirismo na região para o tratamento multiciplinar da dor. A equipe médica também se destaca pela qualificação na área, incluindo a certificação por órgãos competentes.

Em 2019, Dr. Leandro Infantini Dini e Dra. Simone Afonso Dini se tornaram os primeiros médicos do Rio Grande do Sul a receberem a certificação do World Institute of Pain (WIP) como especialistas na prática de procedimentos intervencionistas guiados por ultrassom, focados no tratamento da dor.

Dra. Rosana Fontana tem pós-graduação em dor, pelo Hospital Einstein, e fellow de intervencionismo em dor, pelo Hospital Conceição.

Toda a equipe médica da clínica possui certificado na área de atuação em dor pela Associação Médica Brasileira (AMB).

FALE COM A PLURAL

Telefone: (51) 3099-1011

WhatsApp: (51) 99549-1011

Site: pluralclinicadador.com.br


Para seguir:

Instagram: @pluralclinicadador

Facebook: @PluralClinicaDaDor

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Publicidade
Matérias especiais
VIAGEM AO TEMPO
premium

'Maluco das Tampinhas', colecionador do Caí mostra relíquias guardadas em casa

Região
Negócios

Abracadabra Chaves completa 10 anos focada em chaves e fechaduras digitais

Região

Parceira da Toyota, distribuidora cresce mesmo na pandemia

Região

Lauro Reus investe em atualizações de serviços e equipamentos médicos

Região