Publicidade
Botão de Assistente virtual
Notícias | Região COMUNIDADE

PMs recebem menção honrosa por salvamento de idosa durante incêndio em Sapucaia

Carlos Alexandre Drechsler e Cristiano Guimarães dos Santos foram homenageados sexta-feira (12), na prefeitura

Publicado em: 13.11.2021 às 08:42 Última atualização: 13.11.2021 às 08:43

Em solenidade realizada na tarde de sexta-feira (12) na Prefeitura de Sapucaia do Sul os soldados do 33º Batalhão de Polícia Militar (33º BPM) Carlos Alexandre Drechsler e Cristiano Guimarães dos Santos receberam uma Menção Honrosa pela ação heroica desempenhada no atendimento de uma ocorrência na tarde do último sábado (6). 

Carlos Alexandre Drechsler e Cristiano Guimarães dos Santos foram homenageados sexta-feira (12), na prefeitura
Carlos Alexandre Drechsler e Cristiano Guimarães dos Santos foram homenageados sexta-feira (12), na prefeitura Foto: Fábio Pilgen/Divulgação-PMSS

Na data, os PMs realizaram o salvamento de uma idosa de 64 anos durante um incêndio a uma residência. O fato aconteceu na Rua Marechal Deodoro, por volta das 14h30. Após receberem ligações através do telefone 190 informando que um incêndio atingia duas residências no endereço, os policiais deslocaram até o local e constataram o fogo já em grandes proporções. Vizinhos informaram aos brigadianos que na residência dos fundos uma senhora que recentemente havia sofrido um AVC, e que teria dificuldades de locomoção, ainda estaria na casa.

Prontamente, os dois soldados adentraram a casa e obtiveram sucesso na remoção da mulher, que necessita de andador para se locomover. Após as primeiras orientações pelos policiais a vitima foi atendida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e liberada sem ferimentos. “Na hora a gente não tem tempo de pensar, só agir, e foi exatamente o que nós fizemos já, que devido a proximidade, fomos os primeiros a chegar no local”, ressaltou o soldado Guimarães.

“Nos sentimos honrados, o trabalho coloca a vida da gente em risco, sabemos disso, no entanto é muito gratificante saber que salvamos uma vida, isso é o mais importante”, completou Drechsler.

Na cerimônia, o secretário de Segurança e Trânsito, Oto Eduardo Amorim enfatizou que os soldados não tinham equipamentos de segurança para adentrar no incêndio, e que mesmo assim, isso não os impediu. “Durante a ocorrência, os policiais militares colocaram suas vidas em risco, pois como não são bombeiros, não possuem as condições adequadas de exposição a incêndios, e mesmo assim realizaram o trabalho em prol de salvar uma vida”, destacou.


Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.