Publicidade
Botão de Assistente virtual
Notícias | Região SÃO LEOPOLDO

PRF retém caminhões com mais de 20 toneladas acima do permitido na BR-116

Na ação, diversos veículos foram abordados transitando com excesso de carga

Publicado em: 14.01.2022 às 11:27 Última atualização: 14.01.2022 às 12:51

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) realizou fiscalização a caminhões nos últimos dias, em frente ao posto do órgão no quilômetro 244 da BR-116, em São Leopoldo. Na ação, diversos veículos foram abordados transitando com excesso de carga, o que gerou multa e retenção dos mesmos.

Diversos caminhões foram abordados em ação da PRF contra excesso de carga na BR-116
Diversos caminhões foram abordados em ação da PRF contra excesso de carga na BR-116 Foto: Divulgação/PRF

Dois deles chamaram atenção pela quantidade de carga acima do permitido: nos dias 7 e 10 de janeiro, foram abordados dois caminhões que transportavam, respectivamente, 27 e 22 toneladas de areia a mais do que a legislação estabelece como limite para cada veículo. Ambos foram retidos e tiveram que transferir a carga excedente para outros caminhões de apoio.

A PRF explica que o excesso de peso em veículos de carga prejudica a segurança no trânsito, de modo que seus efeitos são verificados na estabilidade do veículo, na capacidade de frenagem e nos danos ao pavimento, viadutos, pontes e nos próprios veículos.

Com o objetivo de reduzir o risco de acidentes graves, congestionamentos, e até mesmo o gasto com manutenção das rodovias – todas repercussões geradas a partir do tráfego de veículos com carga em excesso –, a PRF realiza constantemente ações de fiscalização a caminhões, não sendo raras as abordagens que resultam em autuações e retenção para regularização.

Segundo a corporação, em 2021, as fiscalizações nas rodovias da região metropolitana de Porto Alegre resultaram em mais de três mil toneladas de peso em excesso, e em 485 veículos autuados e retidos para transbordo.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.