Publicidade
Notícias | Rio Grande do Sul Porto Alegre

Incêndio destrói prédio da Secretaria Estadual de Segurança Pública na capital

Fogo teria começado no quarto andar e, em minutos, se alastrou para os demais; incêndio prejudicou o atendimento do 190 em Porto Alegre

Publicado em: 14.07.2021 às 22:30 Última atualização: 15.07.2021 às 01:48

Um incêndio de grandes proporções atingiu o prédio da Secretaria Estadual de Segurança Pública (SSP) na noite desta quarta-feira (14) em Porto Alegre. As chamas teriam começado no quarto andar e em minutos se alastraram para outros dois. Pouco antes das 23 horas o incêndio atingia todo o prédio de nove andares. Inicialmente a informação era de que não houve feridos, mas por volta da 1 hora já desta quinta-feira (15) o governo do Estado confirmou que dois bombeiros que trabalhavam no local estão desaparecidos.

Unidades do Corpo de Bombeiros da capital, de Canoas e de São Leopoldo trabalham na ocorrência. A EPTC e a Brigada Militar bloquearam o trânsito na região da estação rodoviária e da saída de Porto Alegre pela Avenida Castelo Branco, onde fica o prédio. O governo do Estado informou, por meio de nota, que "o prédio foi completamente evacuado".

15/07/2021 INCÊNDIO SECRETARIA SEGURANÇA PUBLICA Foto: PAULO PIRES/GES

Testemunhas relataram que parte do interior do edifício desabou pouco depois das 23 horas. O vice-governador e secretário estadual de Segurança Pública, Ranolfo Vieira Júnior, confirmou que "praticamente 100% do prédio restou aniquilado". Um dos serviços prejudicados, segundo ele, é o atendimento das ligações para o 190 e o 193 na capital.

De acordo com o vice-governador, a prioridade é normalizar o atendimento de emergência pelo 190. A central já está sendo montada na sede do 9º Batalhão de Polícia Militar (BPM), que responde pela área central de Porto Alegre. "O prédio abrigava a área administrativa da segurança gaúcha, mas não a parte operacional. O combate ao crime não está e não será prejudicado no Estado", assegurou Ranolfo. Ele informou que não havia provas de investigações nem de perícias no local.

 

15/07/2021 INCÊNDIO SECRETARIA SEGURANÇA PUBLICA Foto: PAULO PIRES/GES

Segundo Ranolfo, funcionavam no prédio o comando da SSP e as partes administrativas do Detran, da Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe) e do Instituto-Geral de Perícias (IGP), além do setor de inteligência da segurança pública do Estado. "É um fato lamentável, mas não há qualquer prejuízo ao trabalho da segurança no Estado", assegurou o vice-governador.

O diretor-geral do Detran, Enio Bacci, disse que os dados do trânsito gaúcho estão "na nuvem", ou seja, não foram perdidos. Ele adverte, porém, que a estrutura do sétimo andar do prédio concentrava alguns serviços do Detran e que o atendimento ao cidadão pode ser prejudicado nos próximos dias. "Nesta quinta não será um bom dia para buscar serviços do Detran", avisou, mas sem detalhar que tipo de transtornos poderão ocorrer.

O comandante-geral do Corpo de Bombeiros, coronel César Eduardo Bonfanti, informou que todas as guarnições da capital foram mobilizadas. Bombeiros de Canoas e São Leopoldo reforçaram o trabalho. Ele garantiu que não houve feridos e que o trabalho deve avançar pela madrugada. O prédio estava em processo de adequação do Plano de Prevenção e Combate a Incêndio (PPCI). "A iluminação de emergência estava sendo adequada", exemplificou.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.