Publicidade
Botão de Assistente virtual
Notícias | Rio Grande do Sul VIOLÊNCIA

Prefeito de Palmitinho teria sido esfaqueado por conflito em regularização de moradia

Polícia Civil prende mulher suspeita de esfaquear Caetano Albarello

Publicado em: 22.11.2021 às 16:08 Última atualização: 22.11.2021 às 16:13

A regularização de uma moradia teria motivado a tentativa de homicídio contra o prefeito de Palmitinho, Caetano Albarello (PDT), 76 anos, no Noroeste gaúcho. Segundo a Polícia Civil, uma mulher, de 35 anos, foi presa por esfaquear Albarello na manhã desta segunda-feira (22) no prédio da prefeitura.

Prefeito de Palmitinho é esfaqueado na prefeitura
Prefeito de Palmitinho é esfaqueado na prefeitura Foto: Carlos Braga/Grupo Chiru

A ação violenta aconteceu porque a mulher não teria aceitado as condições da prefeitura para regularizar a casa onde mora. Conforme a Polícia, a mulher também é proprietária de um bar em situação irregular. Ela foi presa em flagrante, em casa, onde também foi encontrada a faca que teria sido usada para ferir o prefeito.

O crime aconteceu por volta das 10h45, quando o chefe do Executivo estava em um corredor do prédio do centro administrativo da cidade. Ele foi levado ao hospital municipal e, depois, transferido ao Hospital Santo Antônio, em Tenente Portela. A filha, Marta Albarello, acompanha o pai no atendimento hospitalar e disse que o prefeito passa por avaliação médica, mas seu estado de saúde é estável e ele está consciente.

A suspeita tem antecedentes por tráfico de drogas e foi para o Presídio Estadual de Frederico Westphalen.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.