Publicidade
Botão de Assistente virtual
Notícias | Rio Grande do Sul ASSISTA AO VÍDEO

Em live, Cláudio Brito avalia o primeiro dia de júri da Boate Kiss

O jornalista e jurista analisou o primeiro dia de julgamento e as estratégias de defesa e acusação

Publicado em: 01.12.2021 às 21:17 Última atualização: 01.12.2021 às 21:25

No primeiro dia de julgamento do caso da Boate Kiss, os advogados de defesa demonstraram que pretendem utilizar como estratégia o fato de que nenhuma autoridade está no banco dos réus. Esta é a análise do colunista da Jornal NH, Claudio Brito. Em live realizada na página do Instagram do Jornal NH, na noite desta quarta-feira (1º), ele avaliou o primeiro dia de julgamento, no qual foram escolhidos os jurados e foi ouvida a ex-funcionária da boate, Kátia Giane Siqueira, uma das sobreviventes da tragédia que prestou depoimento na condição de testemunha.

Durante os questionamentos da defesa a testemunha, os advogados procuraram mostrar que as falhas que levaram à tragédia tem também influência de órgãos públicos, como bombeiros, Ministério Público e governo municipal. “Só nesse primeiro depoimento da funcionária, ela foi muito categórica, nunca viu MP, bombeiros, não tinha extintor. Eles querem chegar na falha destes órgãos.Vão formar um quadro que vai servir de apoio às teses que os culpados não são eles, mas pessoas que não estão no processo”.

Mas, apesar da estratégia de defesa, Brito considera pouco provável que os réus que estão sendo julgados saíam do Foro Central de Porto Alegre, onde acontece o julgamento, inocentados. “Faço a leitura de que sim, haverá condenações, é impossível pensar que os quatro réus sejam absolvidos, mesmo que se aceite a tese que faltam outras pessoas”.

Durante a live, Brito ainda explicou que a pena, em caso de condenações, pode variar entre seis e 20 anos, mas que nenhum deles está sendo acusado por 242 homicídios e mais de 600 tentativas, relacionadas aos sobreviventes. “Estão sendo julgados por um crime só, uma conduta só com vários resultados que, como a gente diz, aconteceram por concurso formal, que é quando uma só conduta resulta em vários crimes”. 

Assista a live na íntegra: 

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.