Publicidade
Botão de Assistente virtual
Notícias | Rio Grande do Sul METEOROLOGIA

Mesmo com risco de temporais, calorão deve amenizar pouco no RS

Confira as máximas para esta semana na região metropolitana

Por Jauri Belmonte
Publicado em: 02.01.2022 às 21:37 Última atualização: 03.01.2022 às 08:13

Calor inesgotável. Temperaturas altas, nas quais a sensação ultrapassa os 40°C e, por fim, temporais isolados que pouco amenizam o calorão. Tanto os últimos instantes de 2021 quanto o início de 2022 foram de um abafamento escaldante na região, o que retrata bem a estação atual.

Ainda que a formação topográfica dos vales do Sinos, Caí e Paranhana favoreça para um maior aquecimento, meteorologistas do Rio Grande do Sul tratam o calor como 'incomum', especialmente em regiões mais altas. De acordo com a MetSul, no sábado (1º), Campo Bom teve 38,6°C.

Marcas escaldantes
Neste domingo (2), o calor predominou novamente na região. As marcas foram ainda mais altas que no sábado. Campo Bom registrou 41,1°C, marca 0,5°C abaixo do seu recorde de quase 40 anos de máxima para janeiro: 41,6°C em 10 de janeiro de 2006. Na Feliz, o domingo teve máxima de 42,1°C.

Em Taquara, no Vale do Paranhana, antes das 10 horas da manhã, o termômetro do Parque do Trabalhador marcava 36°C. Tanto no município taquarense quanto na vizinha Parobé, máximas chegaram aos 40,5°C.

Termômetro do Parque do Trabalhador em Taquara registrou manhã de muito calor
Termômetro do Parque do Trabalhador em Taquara registrou manhã de muito calor Foto: Jauri Belmonte/GES-Especial

Novo Hamburgo teve 38°C; Canoas 37,8°C, enquanto Porto Alegre registrou 37°C. Mas nem os moradores da Serra se livraram do calor. Farroupilha registrou 39,5°C, enquanto Caxias teve 37,1°C.

A catarinense São Joaquim, conhecida pelo frio e temperaturas negativas no inverno, também teve marcas escaldantes. Segundo a estação do Inmet, pela primeira vez em 27 anos a cidade ultrapassou 30°C.

Chuva
Depois do forte calor, temporais isolados atingiram boa parte do Leste do Estado. As temperaturas amenizaram à medida que a chuva, boa para a estiagem, avançava. Mas a instabilidade não veio sozinha, e, sim, acompanhada de ventos e até granizo, que foi o caso de Sapiranga. A Defesa Civil emitiu alerta para chuva forte acompanhada de descargas elétricas.

Temporais na semana

A semana tem risco de temporais isolados. Essa condição é favorecida pelo aumento da umidade em uma massa de ar muito quente favorecerá ocorrências isoladas de chuva intensa, vendavais e queda de granizo, situação que aconteceu neste domingo. Ou seja, o temporal atingiu várias cidades, amenizou o calor, mas não por definitivo. 

De acordo com a meteorologista Estael Sias, trata-se de 'chuva de verão'. "Amanhã (segunda) ainda tem calor e na terça diminui um pouco a temperatura porém segue abafado." 

Existe a possibilidade, conforme meteorologistas, da instabilidade se estender até quarta-feira (5). Na quinta-feira (6), o tempo já começa a firmar no Estado.

Temperaturas na semana

Segunda-feira (3)
Mínima: 23°C / Máxima: 36°C*

Terça-feira (4)
Mínima: 23°C / Máxima: 32°C

Quarta-feira (5)
Mínima: 21°C / Máxima: 26°C

Quinta-feira (6)
Mínima: 19°C / Máxima: 27°C

Sexta-feira (7)
Mínima: 17°C / Máxima: 28°C

Sábado (8)
Mínima: 18°C / Máxima: 30°C

*Informações baseadas no Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet)

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.