Publicidade
Opinião Opinião

Violência doméstica

Por Laila Pereira
Publicado em: 22.07.2021 às 03:00

Estamos em 2021! É difícil acreditar e aceitar que AINDA falamos em violência doméstica. Os crimes contra as mulheres continuam sendo um grande problema para a sociedade. Para piorar, a pandemia levou ao distanciamento social, com fechamento parcial de atividades econômicas, escolas e restrições de eventos e serviços públicos, intensificando a presença das famílias nas suas próprias casas. Há estudos denunciando que a convivência mais intensa gerou aumento nos casos de violência doméstica, ao mesmo tempo em que pode ter coibido o acesso às redes e serviços públicos ou causado privação de informação e de ajuda.

Estima-se que, no mundo, 30% (Opas e OMS, 2017) das mulheres já tenham sofrido, ou ainda sofrem, algum tipo de violência cometida por parceiros íntimos (homens). Em situações normais esse panorama já revela um problema grave. Com a pandemia, isso se tornou ainda maior. Vale lembrar que esses números são de violência física, mas não podemos deixar de formalizar, aqui, outros casos que estão previstos na Lei Maria Da Penha.

É possível citar a de violência física, psicológica, moral, sexual e patrimonial (Capítulo II, art. 7º, incisos I, II, III, IV e V), entre outras. Qualquer uma delas constitui ato de violação dos direitos humanos e deve ser denunciada, por nós!

Não podemos fechar os olhos e nos calar para esses casos de retrocesso à humanidade. É preciso, além de denunciar, educar nossos filhos para que essa impetuosidade chegue ao fim.

Não podemos disparar toda a responsabilidade aos órgãos públicos, apenas. Aspiro que, em um futuro breve, esse assunto seja uma vaga lembrança de um passado vergonhoso e infame.


O artigo publicado neste espaço é opinião pessoal e de inteira responsabilidade de seu autor. Por razões de clareza ou espaço poderão ser publicados resumidamente. Artigos podem ser enviados para opiniao@gruposinos.com.br
Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.