Publicidade
Opinião | Coluna Mercado Economia

Governo gaúcho envia autorização por...

Por Nicolle Frapiccini
Publicado em: 24.11.2020 às 08:15 Última atualização: 24.11.2020 às 10:00

A tão esperada autorização do governo gaúcho para a realização ainda este ano de uma edição da Feira da Loucura por Sapatos (FLS) chegou no meio da tarde de segunda-feira, dia 23, por e-mail. Com a mensagem na caixa de entrada, na sequência a diretoria da Fenac e empresários da região, que estavam aflitos sem a definição deste assunto, começaram a ajustar os detalhes para o evento que já sai do papel na próxima semana. O diretor-presidente da Fenac, Márcio Jung, aguardava o aval do Palácio Piratini desde a quinta-feira passada, data em que o governador Eduardo Leite havia prometido um retorno. "Quase comecei a chorar, é muita gente dependendo disso."

... por e-mail para diretoria da Fenac

E minutos após a confirmação da data, os telefones tanto da Fenac quanto de integrantes da diretoria não pararam de tocar e receber mensagens pelo WhatsApp. Tanto é que durante a entrevista de Jung para o Jornal NH, diversas vezes foi possível escutar as tentativas de contato. "As pessoas estavam implorando para nós fazermos a feira, desde os cervejeiros até os lojistas. Era ligação toda a hora, agora então", comenta o diretor-presidente.

 

Necessidade grande de uma feira

Na última sexta-feira, terminou o Conexão Reparasul que marcou a retomada de eventos na Fenac. Em formato híbrido, o evento aproximou a cadeia de autopeças e reparação automotiva. O embaixador das Américas da Reparasul, piloto e que é um dos responsáveis da M11 Tools, Esequias João, conhecido como o Mano, afirma que a iniciativa mostrou a necessidade muito grande que se tinha por uma feira.

Metade do estoque em um dia

Além da necessidade que se tinha por uma feira no setor, o Mano conta que a M11 Tools, revendedor Gedore, vendeu na quinta-feira passada, primeiro dia do Conexão Reparasul, mais da metade do estoque trazido. "Nem imaginava fazer vendas e conseguimos esse grande resultado. Realmente foi um conexão importante para a Reparasul 2021 que virá mais forte."

Cooperação na Ponta do Lápis

Com o propósito de cooperar para uma vida financeira sustentável, o Sicredi lança nacionalmente o programa Cooperação na Ponta do Lápis. Composto por ações planejadas de modo que atendam necessidades de jovens, crianças e adultos, a iniciativa busca levar educação financeira para a área de atuação do Sicredi.

Pilar de relacionamento

"Acreditamos na educação financeira como um pilar do relacionamento com os nossos associados e buscamos exercê-la no dia a dia das nossas agências", explica João Tavares, presidente executivo do Banco Cooperativo Sicredi.


Receba notícias diretamente em seu e-mail! Clique aqui e inscreva-se gratuitamente na nossa newsletter.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.